Arapongas

Cortejo fúnebre homenageia médico Walter Buzalaf

A homenagem aconteceu na manhã desta quinta (9) em Arapongas

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
Imagem ilustrativa da notícia Cortejo fúnebre homenageia médico Walter Buzalaf
fonte: Divulgação/Prefeitura de Arapongas

Na manhã desta quinta-feira (9), um cortejo homenageou o médico Walter Buzalaf, um dos profissionais de saúde mais conceituados de Arapongas e região.

continua após publicidade

Segundo as informações, Walter Buzalaf faleceu na quarta (8) devido a problemas cardíacos.

Profissionais da Saúde da Prefeitura de Arapongas, familiares e amigos se uniram no cortejo fúnebre, que saiu às 8h15 da Capela das Acácias – com o apoio da GMA e equipes do Samu.  O cortejo percorreu a Avenida Gaturamo, subiu pela Rua Marabu, passando em frente ao Paço Municipal, parando em frente à Clínica Buzalaf – local em que os filhos prestaram uma homenagem. O cortejo seguiu até a Rua Calu, onde os funcionários da Santa Casa também prestaram homenagem. Retornando pela Avenida Arapongas, o cortejo passou pela Clínica Modelo, seguiu para o Hospital Santa Rita, retornando para o Cemitério das Acácias.

continua após publicidade

O corpo do Dr. Buzalaf segue sendo velado. O sepultamento está previsto para às 17h30. Segundo Fernando Marques, superintendente médico da Secretaria Municipal da Saúde, o cortejo é uma homenagem e um reconhecimento público dos profissionais do setor à figura de Walter Buzalaf como médico e cidadão araponguense.

Em nota, o prefeito Sérgio Onofre também manifestou todo o seu pesar pelo falecimento do médico.

A partida de Buzalaf gerou grande comoção na cidade. Pelas redes sociais, amigos e colegas de profissão também postaram homenagens. Entre eles, o amigo e médico Dr. Alecsandro Cavalcante, que publicou a seguinte mensagem: “Arapongas perdeu agora pouco seu maior clínico: Dr. Walter Buzalaf. Médico há 47 anos, oriundo da tradicional Faculdade de Medicina de Botucatu, foi o mais completo médico da nossa região, grande conselheiro, meus diagnósticos mais difíceis sempre passaram pelo crivo da inteligência privilegiada do Dr. Walter. Fará muita falta. Nossas condolências à família e amigos enlutados, especialmente a dona Tuca. RIP”.

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News