Arapongas registra 5 ocorrências de violência doméstica na semana - TNOnline
Mais lidas
Ver todos

DELEGACIA DA MULHER

Arapongas registra 5 ocorrências de violência doméstica na semana

Foto por Imagem ilustrativa
Escrito por Da Redação
Publicado em Editado em
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

Segundo informações da Delegacia da Mulher de Arapongas, nesta semana, cinco ocorrências no âmbito de violência doméstica foram registradas. Em uma delas, houve o registro de um feminicídio. Uma mulher de 36 anos foi morta pelo companheiro no último dia 7, em uma residência no Conjunto Araucária I. O autor do crime foi preso. “Infelizmente, tivemos o registro desse feminicídio e outros quatro registros de violência doméstica, como vias de fato e ameaças, em um curto espaço de tempo. A atuação da Delegacia da Mulher é investigativa e temos seguido com rigor neste sentido. Reforçamos que as vítimas têm que denunciar, elas não devem esperar. Aconteceu o fato, elas devem ligar para a Polícia Militar, Guarda Municipal ou procurar a Delegacia da Mulher, tomando todas as cautelas possíveis.  Temos muitos casos de vítimas que nos procuraram depois de 15 dias e até meses de quando foram ameaçadas. E com isso, por vezes, não conseguem se lembrar do teor da ameaça, o que dificulta a nossa investigação”, relata a Delegacia da Mulher de Arapongas, Dra Thaís Orlandini Pereira.

Canais de denúncias – Em casos de violência contra a mulher, as denúncias devem ser feitas pelo telefone 3278-2209 (Delegacia da Mulher) por envio de mensagem no WhatsApp. Polícia Militar 190, nos casos em que não houver medida protetiva. Guarda Municipal (GM) 153 ou 0800-645-9060, nos casos em que houver medida protetiva. A GM conta também com o aplicativo para celular Android “GM 153 Arapongas”, onde é possível clicar na aba “denúncias”, seguido de “ descumprimento de medida protetiva”.

Patrulha Maria da Penha – Conforme dados do programa Patrulha Maria da Penha, de janeiro a agosto de 2020 foram executados 206 atendimentos; 135 novas visitas; 60 visitas de retorno; 11 descumprimentos com prisões em flagrante; nove descumprimentos de medida protetiva sem flagrante; 13 relatos de descumprimento; duas solicitações de revogação de medida protetiva; oito acionamentos do botão do pânico; 66 encaminhamentos para serviços vinculados (Creas, saúde, Fórum ou Delegacia) e 16 orientações/ assistência. A coordenadora da Patrulha Maria da Penha, GM Denice Amorim, enfatiza que quanto maior a divulgação, melhor acesso às vítimas e o restante da população terão para denunciar esses crimes. “ A divulgação dos canais para denúncias de violência doméstica está em diversos pontos estratégicos do município. Não podemos nos calar diante de situações que envolvem a violência contra à mulher. A denúncia é importante para monitoramento dos casos, segurança as vítimas e medidas cabíveis contra os agressores”, afirma. A Patrulha Maria da Penha tem reforçado também a campanha: “ “E você, Homem? Sabia que é possível ter um relacionamento saudável? Sem uso de violência? Reflita sobre sua vida, e peça ajuda nos serviços especializados de sua comunidade”. A mensagem tem ligação com o projeto de reabilitação para autores de violência doméstica e familiar (SIGA), que conta com a parceira da Prefeitura de Arapongas, em conjunto com a 1ª e 2ª Varas Criminais do município, implantado em 2017.

Deixe seu comentário sobre: "Arapongas registra 5 ocorrências de violência doméstica na semana"

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.