Arapongas

Arapongas registra 22 notificações e nenhum caso de dengue

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Arapongas registra 22 notificações e nenhum caso de dengue
Arapongas registra 22 notificações e nenhum caso de dengue

Os cuidados, combate e prevenção contra a dengue seguem em execução em Arapongas, através da Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Controle de Endemias. Contudo, o reforço e atenção por parte da população devem continuar. Dentro do chamado período epidemiológico – que começou a ser monitorado em 26 de julho em todo o Paraná, Arapongas traz em seu mais recente boletim (13/09 a 19/09) o total de 22 notificações.

continua após publicidade

Sendo 11 em investigação; 11 casos negativos; e nenhum caso confirmado. Na semana passada (30/08 a 05/09), das cinco notificações, todas apresentaram resultado negativo. Conforme a supervisora geral do Controle de Endemias, Claudinéia Gasparini, mesmo durante a pandemia da Covid-19, as ações voltadas ao combate da dengue não cessaram. “ Temos tomado todas as medidas necessárias, levando em conta a pandemia que temos enfrentado. Felizmente nosso município não entrou em epidemia da dengue, diferentemente de cidades vizinhas que nos cercam. Por isso, não podemos vacilar. Reforçamos para toda a população que nos ajude. Tire apenas 10 minutos por semana para cuidar de seu quintal, não deixando água parada, pois 99% dos criadouros estão nas residências”, orienta. Entre as medidas a serem tomadas, Gasparini cita a colocação de areia nos vasos de flores, tampar caixas d’água, calhas e o reservatório das geladeiras. As equipes compostas pelos agentes de combate a endemias (ACE’s) realizam visitas periódicas nas residências, além dos pontos estratégicos: borracharias, ferro velho, cemitério e locais de reciclagem. Em caso de apresentação de sintomas, como febre alta, dores musculares inte

nsas, dor ao movimentar os olhos, mal-estar, falta de apetite, dor de cabeça ou machas vermelhas pelo corpo, o paciente de procurar a Unidade Básica de Saúde mais próxima, e não se automedicar. 

continua após publicidade

Dados Paraná - O primeiro óbito confirmado do período epidemiológico aconteceu em Apucarana; e está registrado no SINAN (Sistema de Informação de Agravos de Notificação) e no SIM (Sistema de Informações de Mortalidade). Trata-se de uma mulher de 63 anos, portadora de cardiopatia e doença autoimune. O informe totaliza 3.468 notificações para a dengue em 229 municípios paranaenses. Para a Chikungunya, são 14 notificações e, para a Zika, são 2.

Tags relacionadas: #ARAPONGAS #Endemias #SAÚDE