Arapongas

Arapongas recebe apresentação do Ballet de Londrina

A apresentação gratuita acontecerá às 20h, e os ingressos começarão a ser distribuídos a partir das 19h

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Arapongas recebe apresentação do Ballet de Londrina
fonte: Prefeitura Municipal de Arapongas

Após interrupção pela pandemia, companhia de Ballet de Londrina volta às apresentações presenciais com “Oração pelo fim do mundo”. O Espetáculo chega a Arapongas nesta quinta (12), com entrada gratuita.

continua após publicidade

O penúltimo espetáculo do repertório do Ballet de Londrina abordava os conflitos de convivência em um mundo em colapso. Quando estreou, ninguém imaginava o longo e difícil período que a humanidade atravessaria a partir do início de 2020, com a pandemia do novo coronavírus levando a uma quarentena sem data para terminar. O setor das artes cênicas foi, sem dúvida, um dos mais prejudicados.

A companhia passou a realizar suas atividades de manutenção e pequenas ações artísticas de forma remota na maior parte deste tempo. A circulação da montagem “Oração pelo fim do mundo” por onze cidades do Paraná, então em curso, teve de ser interrompida. Neste mês de maio, o Ballet enfim retoma as apresentações presenciais e, após reestreia em Campo Mourão, chega a Arapongas nesta quinta, às 20 horas, no Cine Teatro Mauá. A entrada é gratuita, com ingressos distribuídos a partir das 19 horas. A classificação indicativa é de 16 anos.

continua após publicidade

A turnê é apresentada e tem apoio exclusivo da Copel, por meio de projeto aprovado pelo Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura (Profice), da Secretaria de Estado da Comunicação Social e Cultura e do Governo do Estado do Paraná. A realização é da Funcart (Fundação Cultura Artística de Londrina) e da Prefeitura Municipal de Londrina.

“Oração pelo fim do mundo”, que estrou em 2017, é um dos espetáculos de maior sucesso da safra recente do Ballet de Londrina. Ele leva para a cena dez dançarinos para abordar os conflitos humanos em pleno século XXI. A coreografia investe em formações coletivas e traz cenas de contundência teatral para evocar reflexões sobre a intolerância, a violência, o preconceito, o bullying, o ataque às minorias, o ódio pela diferença e o genocídio. A montagem se apresenta como uma súplica de misericórdia e um grito de espanto diante dos horrores praticados pela humanidade contra a própria humanidade. Em meio à devastação, surgem laivos para pensar a necessidade do diálogo, a urgência da empatia e a reconquista da nossa delicadeza perdida.

Justamente por tocar em temas atuais e propor um recomeço mais fraterno, o espetáculo tem um significado tocante neste momento de retomada. “Estar novamente juntos em cena e com a plateia nos teatros ganha, neste momento, um significado muito forte e especial. Na reestreia em Campo Mourão, era nítida a emoção tanto dos bailarinos quanto dos espectadores. Em Arapongas, no Cine-Teatro Mauá, em que tantas vezes já estivemos, não vai ser diferente”, projeta o diretor da companhia Marciano Boletti. Em cada cidade, neste projeto, ele ministra também uma oficina de balé clássico para alunos intermediários, com duas horas de duração.

continua após publicidade

Após Arapongas, o Ballet de Londrina conclui a turnê em Pinhais (dia 20 de maio, às 20 horas, no Auditório do Centro Cultural Wanda dos Santos Mallman), em União da Vitória (dia 11 de junho, às 20 horas, no Cine Teatro Luz) e em Castro, Paranavaí e Umuarama (em datas e locais a serem confirmados).

“Oração pelo fim do mundo” tem coreografia de Leonardo Ramos, direção de produção de Danieli Pereira, iluminação de Ricardo Grings e conta com os seguintes bailarinos: Alessandra Menegazzo, Ariela Pauli, Higor Vargas, Ione Queiroz, Lucas Manfré, Matheus Nemoto, Nayara Stanganelli, Thaisa Morais, Viviane Terrenta e Wesley Silva.


Fonte: Prefeitura Municipal de Arapongas.