Arapongas

Arapongas prepara agricultores para Sacolão Municipal

O espaço utilizado para comercialização dos produtos será na região central da cidade

Da Redação ·

A prefeitura de Arapongas está fomentando um trabalho de capacitação e otimização da agricultura familiar no município com o propósito de criar um “Sacolão Municipal”.

continua após publicidade

O espaço utilizado para comercialização dos produtos será na região central da cidade, no barracão anexo ao terminal urbano de ônibus.

Agricultores familiares que fazem parte de associações e cooperativas ligadas ao município devem iniciar um treinamento neste mês, em parceria com o Sebrae para otimizar a produção. O espaço deve iniciar atividades em 2022.

continua após publicidade

De acordo com a secretária municipal de Segurança Alimentar de Arapongas Niele Mello, a instalação do Sacolão Municipal de Arapongas não vai competir com a feira municipal que acontece aos domingos. “Nosso objetivo é otimizar a venda direto do produtor, através das associações e cooperativas ligadas ao município, APROAR, AERFA e COPRAN/KDF. Os espaços serão organizados por chamamento público, para atingir um grupo maior de agricultores familiares comercializando seus produtos. Os horários de atendimento serão de segunda a sexta-feira, das 10h às 19h, e não terá impacto na feira de domingo”, explicou.

Niele revela que o Sacolão Municipal de Arapongas será implementado no barracão anexo ao terminal urbano, onde hoje funcionam a central de ambulâncias e aulas de karatê da secretaria de esportes. “As atividades que funcionam ali hoje serão realocadas para outros espaços. Escolhemos este local pensando na população que não possui veículos para se deslocar e depende do transporte coletivo. Dessa maneira, ficará mais fácil realizar as compras no sacolão”, argumentou.

Os agricultores familiares envolvidos no projeto devem iniciar um treinamento em campo neste mês de maio para ampliar a produção e iniciar a conversão da agricultura tradicional para orgânica, conforme explica a secretária. “Um convênio entre a prefeitura de Arapongas e o Sebrae foi firmado no último dia 20 e prevê orientações em campo para as associações e cooperativas locais. O projeto tem 70% do valor custeado pelo Sistema Sebrae através do SebraeTec - Serviços em Inovação e Tecnologia e os 30% restantes com recursos do município”, disse Niele.

Wagner Antonio Borges Ferreira é um dos produtores associados que irá passar pelo treinamento. Ele acredita que a medida é essencial para o desenvolvimento da agricultura familiar na cidade. “Estamos com muita dificuldade em escoar nossa produção. A maior parte do que é produzido aqui é vendido para o Ceasa e uma pequena parte fica na feira livre. Os grandes mercados compram no Ceasa para revender aqui e o consumidor acaba pagando mais caro pelos produtos. Com o sacolão, o consumidor vai poder comprar direto, o produto fresco, com qualidade e com preço mais acessível. Falta hoje um trabalho de campo como este na cidade para melhorar os ganhos do produtor, nossa expectativa é muito boa, torcemos para tudo dar certo”, afirmou o agricultor.