Arapongas

Arapongas estende vacinação aos profissionais da Saúde

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Arapongas estende vacinação aos profissionais da Saúde
fonte: Reprodução
Arapongas estende vacinação aos profissionais da Saúde

Nesta quarta-feira (24), a Secretaria Municipal de Saúde informou que vai estender a vacinação contra a Covid-19 aos profissionais do setor acima dos 60 anos, sendo trabalhadores da Saúde (em escalonamento, subgrupos – servidores dos demais serviços ambulatoriais). Conforme o secretário da pasta, Moacir Paludetto Jr, os profissionais da saúde de Arapongas foram subdividos em grupos 10 grupos, com vacinação por etapas.

continua após publicidade

“Agora, chegamos no grupo nove. Com isso, a vacinação contra a Covid-19 encontra-se estendida para  os trabalhadores de Saúde do com 60 anos ou mais, ou seja, dos profisisonais dos serviços ambulatoriais, inclusive da iniciativa privada, com 60 anos ou mais, e em exercício da profissão, tais como: médicos, biomédicos, nutricionistas, psicólogos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, dentistas, enfermeiros, técnicos/auxiliares de enfermagem, farmacêuticos, atendente de farmácia, farmacêuticos – bioquímicos, cuidadores domiciliares e doulas”, afirma.

Ele acrescenta ainda que, esta etapa da vacinação contra a COVID-19 está condicionada à disponibilização de vacinas pelo ente federal e, posteriormente pelo ente estadual, e poderá sofrer interrupções caso o quantitativo de doses disponíveis se tornem insuficientes.

continua após publicidade

ESQUEMA – A vacinação ocorrerá a partir de hoje, 24, no prédio anexo à Unidade Pronto Atendimento (UPA), Rua Atingau, Jardim Caravelle (Rua lateral), das 13h às 16:30h (encerramento 30 minutos antes do fechamento do serviço, devido a necessidade de remanejamento de frasco multidoses), local onde se encontra equipe remota de vacinação, também de posse de documento de identidade, CPF, cartão SUS, comprovante de residência e carteira de vacinação.

Os Trabalhadores de Saúde supracitados deverão comprovar o exercício da profissão por meio de cópia (a ser retida) de um dos seguintes documentos: Carteira de Trabalho; Carteira do Conselho de Classe Profissional; Contrato de Trabalho ou Holerite, onde esteja evidenciada a profissão e o seu exercício atual. “Reitero que a inexistência de um dos documentos supracitados: RG, CPF, cartão SUS, comprovante de residência, carteira de vacinação ou cópia de documento comprobatório do exercício profissional impedirá a efetivação da vacinação”, explica o secretário.

 CONTRAINDICAÇÕES - (CI): Menores de 18 anos (CI); Febre ou sintomas gripais (CI); Doença aguda ou início agudo de doenças crônicas (CI); Positivados para COVID-19, nos últimos 30 dias, e se assintomático, a partir do primeiro exame positivo (CI); Vacinados (qualquer), nos últimos 14 dias (CI); Reação anafilática confirmada a 1ª dose (CI);

continua após publicidade

ADVERTÊNCIAS -  (A): - Em uso de antiagregantes plaquetários, anticoagulante orais, necessidade de administração da vacina o mais longe possível da última dose do(s) medicamento(s) (A); - Transplantados, oncológicos, imunossuprimidos e portadores de doenças reumáticas imunomediadas previamente advertidos e com prescrição médica (A); - Gestantes, puérperas e lactantes previamente advertidas e com prescrição médica (A); - O esquema vacinal de duas doses deve ser iniciado e completado com vacinas do mesmo laboratório (A). Sem mais para o momento, me coloco a disposição para quaisquer esclarecimentos que se fizerem necessários.

Considerando a ausência de estudos de coadministração, neste momento, não se recomenda a administração simultânea das vacinas COVID-19 com outras vacinas. Desta forma, preconiza-se um intervalo mínimo de 14 dias entre as vacinas COVID-19 e as diferentes vacinas do Calendário Nacional de Vacinação.