Arapongas

Arapongas está entre as 100 cidades mais sustentáveis do BR

A análise do ranking leva em conta as cidades com população acima de 80 mil habitantes

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Arapongas está entre as 100 cidades mais sustentáveis do BR

Nesta semana, dezesseis cidades paranaenses aparecem entre as mais sustentáveis e 12 estão entre as 100 mais competitivas do Brasil na segunda edição do Ranking de Competitividade dos Municípios. O relatório, que pela primeira vez incluiu a análise de Governança Ambiental, Social e Corporativa (ESG, da sigla em inglês) e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentáveis (ODS) dos municípios brasileiros, foi divulgado pelo Centro de Liderança Pública (CLP), em parceria com a plataforma Gove e o Sebrae. A análise do ranking leva em conta as cidades com população acima de 80 mil habitantes, de acordo com a estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) para o ano de 2020. Dos 411 municípios brasileiros incluídos nesse recorte, 27 são do Paraná.

continua após publicidade

No quesito sustentabilidade, a capital Curitiba foi destaque, aparecendo em primeiro lugar entre as capitais e na quarta posição geral com relação ao índice ESG, que se refere às melhores práticas sociais, ambientais e de governança de um setor e é também um critério para investimentos. Levando em conta os ODS, elencados pela Organização das Nações Unidas (ONU), a capital paranaense fica na terceira posição entre as 26 capitais brasileiras. Além disso, outras cidades paranaenses também foram apontadas neste ranking, entre elas Arapongas. 

Para o secretário municipal da Indústria e Comércio, Nilson Violato, isso mostra que Arapongas está no caminho certo. “Esta composição de ranking que foi apresentado mostra que Arapongas vem tomando decisões acertadas. Estamos fazendo a edição do programa municipal de desenvolvimento sustentável com base nos ODS’s e é com isso que vamos nos aproximar do status de Curitiba e de outras cidades que têm o potencial de desenvolvimento sustentável”, disse. Violato cita ainda a criação do parque de energias renováveis, tecnologias emergentes, projeto do biogás e outros empreendimentos que contribuem com a sustentabilidade. 

Tags relacionadas: #ARAPONGAS #BRASIL #Sustentáveis