Arapongas

Arapongas diminui covid semanal e tem aumento no mês

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Arapongas diminui covid semanal e tem aumento no mês
Arapongas diminui covid semanal e tem aumento no mês

A Secretaria Municipal de Saúde de Arapongas, divulgou neste sábado (05), os dados semanais de registros de covid-19 no município entre 22 e 28 de novembro. O novo informativo demonstra um aumento no número de pessoas contaminadas nos últimos 30 dias. Durante a semana houve registro de 01 óbito foram registrados nos últimos 30 dias.

continua após publicidade

Muito embora foi constatado que houve redução na taxa de transmissão no período, o novo informativo demonstra um aumento no número de pessoas contaminadas nos últimos 30 dias.

A Prefeitura de Arapongas, fez a análise em parceria com Universidade Estadual de Londrina (UEL), através do Núcleo de Gestão Pública (FAUEL-NIGEP/UEL),  para o Boletim Epidemiológico nº 14 da Covid-19. 

continua após publicidade

Entre as análises realizadas, comparadas com a semana anterior (15 à 21 de novembro), ficou destacado queda de 35,33% no número de casos nos últimos 7 dias (184 para 119); No entanto, teve aumento de 8,45% no número de casos nos últimos 30 dias (426 para 462) e ainda o registro a mais de 33,33% no número de óbitos nos últimos 30 dias (03 óbitos para 04);

As análises também apontam aumento no percentual de curados de 90,80% para 92,06% e no número total de 2,41% de pessoas que já contraíram o COVID-19. O número total de pessoas que já se curaram do COVID-19, foi a 3,84% em Arapongas e quanto a taxa de transmissão, obteve-se uma redução de 1,10 para 1,09.

Por este boletim também foi possível verificar a incidência dos óbitos por região da cidade, segundo a Saúde. O boletim demonstrou ainda que entre as regiões mais afetadas pela doença nos últimos 7 dias estão: Região Central, Conj. Centauro, Conj. Flamingos, Conj. San Raphael, V. Nova, J. Coroados e J. Columbia.

continua após publicidade

Referente à taxa de ocupação dos leitos Covid-19 no Hospital de referência do município, termina a semana com uma taxa de ocupação de 50% dos leitos de enfermaria, sendo 05 dos 10 leitos ocupados e de 30% dos leitos de UTI, sendo 03 dos 10 leitos ocupados.

Da redação com assessoria