Arapongas

Arapongas: construção do Residencial Bem Viver alcança 14,9%

Famílias com renda a partir de R$ 1,8 mil podem adquirir uma das unidades com o pagamento de parcelas mensais a partir de R$ 380

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
Imagem ilustrativa da notícia Arapongas: construção do Residencial Bem Viver alcança 14,9%
fonte: Prefeitura Municipal de Arapongas

A diretoria da Pacaembu Construtora informou, nesta sexta-feira (03), que as construções da 1ª etapa do Residencial Bem Viver em Arapongas estão 14,9% executadas. As obras foram iniciadas em dezembro do ano passado e, após a conclusão das etapas de adequação do terreno, os serviços já passam pelas fases de infraestrutura e abertura de vias.

continua após publicidade

O empreendimento, elaborado em parceria pelo Governo do Estado, Caixa Econômica Federal e a construtora Pacaembu, recebeu R$ 89 milhões em sua primeira etapa, com a construção de 683 casas, sendo que ao todo serão 1.479 unidades habitacionais. “Temos acompanhado os desdobramentos da obra junto à Pacaembu. Um bom projeto habitacional que trará a oportunidade da casa própria para muitas famílias. Estamos entusiasmados com esta empreitada”, pontou o prefeito de Arapongas, Sérgio Onofre.

Os imóveis do Residencial Bem Viver têm modelo padrão de 43,85 metros², em lotes a partir de 160 metros². O projeto arquitetônico e o tamanho dos terrenos foram pensados para permitir ampliações pelos futuros proprietários. Todos os cômodos contarão com piso cerâmico, além de azulejos na lavanderia, cozinha e banheiro.

continua após publicidade

Os espaços comuns aos moradores, por sua vez, contam com horta comunitária, academia ao ar livre, quiosques, bancos de repouso e um centro de convivência com biblioteca, cozinha com churrasqueira, dois banheiros, sala administrativa, salão de jogos e espaço de atendimento médico. O complexo é fechado com muros e conta com portão e guarita 24 horas.

Famílias com renda a partir de R$ 1,8 mil podem adquirir uma das unidades com o pagamento de parcelas mensais a partir de R$ 380, além de isenção de Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI) e registro do imóvel. Além disso, famílias com até três salários mínimos e financiamento aprovado pela Caixa podem ter subsídio de até R$ 15 mil, bancados pelo governo estadual, para a entrada.

A construção será financiada com recursos do programa Casa Verde e Amarela, do Governo Federal, financiados pela Caixa Econômica Federal. O cronograma de execução é de 24 meses.

continua após publicidade

Mais informações podem ser obtidas com a construtora pelo (43) 99147-3838 ou na central de vendas localizada na Rua Flamingos, 640, no centro de Arapongas.


Fonte: Prefeitura Municipal de Arapongas.

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News