Arapongas

Câmara de Arapongas recebe pessoas que 'garimpam' materiais no Aterro Sanitário do município; veja vídeo

Da Redação ·
Sessão ordinária da Câmara de Arapongas
Sessão ordinária da Câmara de Arapongas

A sessão da Câmara Municipal de Arapongas recebeu na tarde desta segunda-feira (04), representantes dos coletores que trabalham ‘garimpando’ no lixo do aterro sanitário, localizado na Zona Sul da cidade. Eles reivindicam uma mobilização do Poder Público para que sejam remanejados para outros locais de trabalho.

continua após publicidade

Para a representante dos coletores Matilde Ortega, a presença dos coletores na sessão é para lembrar a necessidade de uma solução para o problema das cerca de 60 famílias que sobrevivem do que ‘garimpam’ no aterro. “Se temos que sair de lá, queremos que o Poder Público nos aponte para onde devemos ir, se poderemos trabalhar com os outros cooperados ou o que iremos fazer, porque dependemos 100 por cento do que ganhamos ali para sobreviver. Só queremos ter uma opção para não ficar sem renda”, disse a coletora.

Há cerca de 10 dias, o prefeito Sergio Onofre recebeu os representantes para discutirem alternativas para o problema. Conforme a lei federal nº 12.305 (de 02 de agosto de 2010) – Art.48, é proibido a catação nas áreas de disposição final de resíduos ou rejeitos. Desta forma, cerca de 60 trabalhadores têm atuado de maneira ilegal. Uma ação já notificada pelo Ministério Público foi enviada à Secretaria Municipal de Agricultura, Serviços Públicos e Meio Ambiente (Seaspma).

O tema esteve na pauta da sessão da câmara desta segunda-feira, através de um requerimento da vereadora Angélica Enfermeira, que pede uma ação de sustentabilidade em caráter de urgência para os coletores que atuam irregularmente no aterro sanitário do município.

Assista abaixo ao vídeo com a entrevista:

Câmara de Arapongas recebe pessoas que 'garimpam' materiais no Aterro Sanitário do município; veja vídeo - Vídeo por: Reprodução