Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Arapongas

Pai, mãe e avó de menina de um ano morta em Arapongas estão presos; delegado fala sobre o caso 

.

Roger da Silva Ribeiro, pai da menina de um ano e um mês que morreu em Arapongas foi preso em flagrante por envolvimento no crime.  A mãe da menina Eduarda da Silva Bernardo e a avó Maria Aparecida da Silva também estão detidas. 

Segundo o delegado de Arapongas Maurício de Oliveira Camargo, que falou sobre o caso no final da noite desta quarta-feira (19), todos foram autuados em flagrante pelo envolvimento na morte da criança. “Comprovadamente essa criança deu entrada na UPA já sem vida. Os médicos da unidade constataram preliminarmente lesões na criança. O legista de Apucarana atendeu o caso. O maior absurdo é que foi estabelecida a possível hora do falecimento, a criança morreu por volta das 18 horas. O pai dessa criança apareceu de noite alegando que a filha tinha afogado com leite. A polícia não acredita nessa história. Sem dúvida os três têm responsabilidades”, explica o delegado. 

O laudo preliminar do Instituto Médico-Legal (IML) apontou agressão física como causa da morte da bebê Sophia Emanuelly da Silva, que faleceu na terça-feira (18) na casa da família. Ainda de acordo com o delegado, o caso segue sendo investigado, pois há cerca de um ano, outra filha do casal também morreu. “Vamos continuar investigando o comportamento dos pais, não é a primeira filha deles que morreu, outra menina da mesma idade também perdeu a vida e vamos apurar os fatos, as investigações continuam. O pai é um psicopata desequilibrado, um traficante condenado”, finaliza o delegado Maurício.

O caso ganhou uma grande repercussão e gerou revolta. Na noite de ontem (19), a casa da família foi queimada em um incêndio criminoso. 

Segundo a Polícia Militar, ligações no 190 relataram que três suspeitos, até o momento não identificados, pularam o muro da casa, localizada na Rua Pavão no Jardim Bandeirantes e atearam fogo na residência. 

A casa ficou totalmente destruída pelo fogo. Os Bombeiros conseguiram salvar três cachorros que estavam no quintal. Pássaros que estavam em duas gaiolas morreram por conta da fumaça e calor.

A mãe da criança que segue presa, ainda tem mais um filho, um bebê recém- nascido de 15 dias que foi afastado da mulher.
 

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Arapongas

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber