Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Arapongas

Chuva danifica tubulação de água recém-instalada em Arapongas

.

As chuvas que caíram em Arapongas e região no último final de semana causaram danos em uma tubulação provisória, instalada para auxiliar na conclusão da estrutura de escoamento das águas fluviais na Rua Pavão. Ao contrário do que foi divulgado em algumas redes sociais, os danos não atingiram a obra principal e sim a tubulação instalada na última sexta-feira (31), com o objetivo de desviar o curso d’água enquanto é feito o gabião, ou seja, a contenção nas cabeceiras da aduela.

“Os tubos levados pelas águas da chuva não têm nada a ver com a obra principal. Eles fazem parte de um escoamento provisório e serão recolocados no lugar para permitir que prossigam as obras da estrutura definitiva”, afirmou o encarregado José Rosa, da empresa Unit, de Ibiporã, que está executando o projeto.

Segundo Rosa, os tubos serão todos reaproveitados e as obras vão seguir em ritmo normal. Já o vice-prefeito e secretário de Obras, Jair Milani, afirmou que as chuvas só demonstraram, mais uma vez, a fragilidade do sistema que sempre existiu para escoar a água no local. “A ligação provisória foi feita com tubo de 80, como a que existia lá, enquanto a aduela tem capacidade superior a oito tubos, ou seja, vai resolver de uma vez por todas o escoamento da água”, frisa Milani.

Ricardo Koike, engenheiro que atua na Secretaria de Obras, afirmou que fotos e vídeos que circularam nas redes sociais podem dar para algumas pessoas uma visão equivocada sobre a obra. “Quem não conhece direito o processo pode achar que os danos foram na obra propriamente dita, quando na verdade apenas atingiu uma tubulação provisória, feita com um tubo só, apenas para desviar a água do rio enquanto é executada a obra principal. É importante deixar claro que a estrutura definitiva permaneceu intacta”, observa Koike.

Ele também destaca que foram mostrados tubos de águas pluviais que, depois de concluída a obra, não funcionarão mais desta forma. “As águas pluviais vão descer por uma escada de concreto, sempre à jusante, ou seja, depois da aduela, que vai se destinar exclusivamente ao escoamento da água do rio”, finaliza Koike.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Soprap

Edhucca

Últimas de Arapongas

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber