Arapongas

Polícia confirma que soldado do exército foi executado a tiros por engano

Da Redação ·
Gregori Ferreira, 20 anos, era soldado do 30º Batalhão de Infantaria Mecanizada (BIMec) de Apucarana - Foto: Reprodução/Facebook
Gregori Ferreira, 20 anos, era soldado do 30º Batalhão de Infantaria Mecanizada (BIMec) de Apucarana - Foto: Reprodução/Facebook

O Delegado de Polícia Civil de Arapongas, Osnildo Carneiro Lemes, confirmou na manhã desta sexta-feira (08), que o jovem de 20 anos assassinado a tiros na tarde de ontem, foi morto por engano.

continua após publicidade

De acordo com a Polícia Civil, a vítima foi confundida com um traficante. No momento do crime, Gregori Ferreira estava em uma moto parecida com o alvo do assassino. Testemunhas ainda relataram que ouviram o autor do crime falar que teria atirado na pessoa errada.

Polícia confirma que soldado do exército foi executado a tiros por engano fonte: Reprodução
continua após publicidade

O carro usado no crime foi localizado na noite da quinta-feira (07) abandonado às margens da BR-369, saída para Rolândia. No carro a polícia encontrou uma capsula de munição 9mm.