Arapongas

PF E RF realizam operação contra o tráfico de drogas em Arapongas e região

Da Redação ·
Investigados moravam em condomínios de luxo em Londrina, segundo a PF (Foto: Wilson Kirsche / RPC )
Investigados moravam em condomínios de luxo em Londrina, segundo a PF (Foto: Wilson Kirsche / RPC )

Fiscais da Receita Federal (RF) e agentes da Polícia Federal (PF) realizam, nesta segunda-feira (15) pela manhã, operação em 15 cidades do Paraná e em outros quatro estados (São Paulo, Mato Grosso do Sul, Bahia e Sergipe) para desarticular uma quadrilha especializada no tráfico internacional de drogas e lavagem de dinheiro.

continua após publicidade


Ao todo, 49 mandados de prisão, busca e apreensão e condução coercitiva devem ser cumpridos. Na região, os policiais e fiscais da RF estão cumprindo mandados em Arapongas, Cambé e Londrina.

Do total de mandados, 20 são de prisão preventiva, 22 de busca e apreensão e sete são de condução coercitiva, quando a pessoa é obrigada a prestar depoimento. Todos os presos serão trazidos para a Superintendência da PF em Curitiba.

Segundo a PF, as pessoas investigados têm casas de alto padrão e veículos de luxo, com patrimônio avaliado em aproximadamente R$ 40 milhões. Por essa razão, a ação foi denominada de "Operação Ferrari".

Nove pessoas já foram presas e ainda serão cumpridos ainda o sequestro de 20 imóveis, bloqueio em 30 contas correntes e apreensão de mais de 100 veículos adquiridos por meio de práticas criminosas, segundo a PF. No total, 300 policiais federais e 28 servidores da Receita Federal participam da ação>

Com informações do G1