Arapongas

​Polícia Militar realiza bate-grade e apreende celulares em Arapongas

Da Redação ·

Uma operação do tipo "bate-grade" mobilizou equipes da Polícia Militar e também da Polícia Civil durante a tarde da última terça-feira (24) em Arapongas. A cadeia pública do município - Situada na Rua Tucanos, na região central - foi vistoriada por equipes policiais.

continua após publicidade

Em Arapongas a operação foi finalizada por volta das 16h30. Segundo confirmado pela PM foram feitos reparos internos no local e apreendidos dois celulares (da marca Samsung) dois carregadores artesanais e mais dois estoques de madeira.

Problemas de segurança

Uma tentativa de fuga no local foi registrada durante a semana passada no local.

continua após publicidade

Presos iniciaram a escavação de um buraco no chão na tentativa de fugir por um túnel, na madrugada do último dia  16.

Policiais civis perceberam movimentação estranha na Cadeia Pública e chamaram reforço da Polícia Militar (PM) e Guarda Municipal (GM) para conter os encarcerados que já haviam serrado a grade do pátio onde fizeram um túnel em direção à parte interna da delegacia. “Se a ação não tivesse sido percebida acredido que todos conseguiriam fugir”, comenta o delegado Marcelo Sakuma.  O setor de carceragem da 30ª DRP está 426% acima da capacidade ideal. A unidade atingiu seu limite com aproximadamente 200 encarcerados com espaço para abrigar apenas 38.  Recentemente o Conselho Comunitário providenciou a construção de uma nova ala na para amenizar a superlotação. Contudo, o delegado informa que a acomodação de presos ainda não está autorizada pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp). “A principio, se for autorizado, a intenção é criar uma ala feminina”, acrescenta o delegado, informando que atualmente estão presas 17 mulheres na cadeia de Arapongas. A última fuga na unidade foi registrada no feriado de natal. A unidade também vem sofrendo constantes tentativas de fuga em massa. (Cindy Annielli).