Arapongas

Guarda Ambiental de Arapongas apreende aves silvestres

Da Redação ·
Pássaros silvestres estavam em uma residência na Rua Rouxinol
fonte: Carol Flores
Pássaros silvestres estavam em uma residência na Rua Rouxinol

Após receber uma denúncia anônima, a equipe da Guarda Ambiental de Arapongas apreendeu na tarde de ontem oito pássaros silvestres, que estavam em uma residência na Rua Rouxinol, zona sul da cidade.

continua após publicidade

De acordo com o guarda municipal Emerson Alves, os pássaros estavam bem tratados, no entanto, o proprietário das aves não possuía autorização do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) para mantê-las em cativeiros. "Alguns dos pássaros possuíam anilhas, mas sem identificação, o que é proibido por lei", argumentou.

Entre os pássaros apreendidos estavam cinco trinca-ferro, uma coleirinha, um galo de campina e um azulão. Todos foram levados juntos com o proprietário Antônio Boneti, 55 anos, para a 30º Delegacia Regional de Arapongas. As aves deverão ser encaminhadas ao Ibama e o proprietário vai responder por crime contra a fauna e pode pegar de seis meses a um ano de detenção, além de pagar uma multa no valor de R$ 500 por ave apreendida.

continua após publicidade

Antônio Boneti, 55 anos, disse que criava pássaros silvestres há muitos anos e que sabia que algum dia poderia perder os pássaros. "Eu gosto muito de aves, sabia que era ilegal e que algum dia iriam pegá-los. Eu assumo que estou errado e vou pagar por isso", reconhece Boneti, que ainda possui mais três aves que não foram apreendidas por estarem regularizadas com o Ibama. "Não vou parar de criar pássaros, isso é um hobby que a partir de agora vou regularizar", adianta.