Arapongas

Choque térmico danifica dezenas de aquecedores em Arapongas

Da Redação ·
 Moradora Sueli Gonçalves mostra painel quebrado no telhado de casa
fonte: Sérgio Rodrigo
Moradora Sueli Gonçalves mostra painel quebrado no telhado de casa

Moradores do Residencial Araucária I, de Arapongas, acordaram no dia mais frio do ano no município sem ter como tomar banho quente. A baixa temperatura simplesmente estourou a camada de vidro dos aquecedores solares de dezenas das casas. O imprevisto foi acompanhado por vazamentos, que chegaram a alagar alguns imóveis, segundo moradores.

continua após publicidade

A dona de casa Franceline da Silva Cordaço, 18 anos, ouviu o momento da “explosão”, na manhã de terça-feira, o dia mais frio do ano em todas as cidades do Paraná, conforme o Simepar. “Foi um barulho forte. Depois, começou a vazar um monte de água pelo forro”, conta.

 Com os estilhaços ainda em frente de casa, Jéssica Cássia Gomes, 23, teve que correr e desligar o registro. Já dona Maria das Graças Ramos, de 62 anos, afirma que sua casa chegou a ficar um palmo alagada, tamanho o vazamento. “Foi o pior dia da minha vida aqui”, considera. A aposentada Sueli Gonçalves Oliveira, de 49 anos, teve que comprar um chuveiro às pressas para não tomar banho gelado. “Precisamos de uma assistência porque o preço desses aquecedores está contido em nossas prestações”, diz.

continua após publicidade

CONSTRUTORA

O diretor técnico da Artenge, construtora responsável pelo empreendimento, Osires Aparecido Toloi, explicou que, a camada de vidro dos aquecedores, que são aprovados pelo Inmetro, serve para proteger as placas solares. Como os aparelhos não resistem ao congelamento, eles vêm acoplados com uma válvula que elimina a água fria antes da solidificação. O problema, prossegue ele, foi que os primeiros raios solares alcançaram o aparelho antes da água gelada ter sido eliminada. “O vidro foi quebrado pelo choque térmico”, afirma.

continua após publicidade

Osires esclarece que a má vedação do furo no teto feito para dar suporte ao aquecedor causou as infiltrações de água nas residências.

Ele afirma que a construtora tomou providências para solucionar a parte que lhe cabe do problema.