Arapongas

Arapongas encerra hoje encontro técnico com cães

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Arapongas encerra hoje encontro técnico com cães
fonte: Delair garcia
Arapongas encerra hoje encontro técnico com cães

oUma semana de treinamento pesado. Simulações de atendimento a desastres, controle de rebeliões e ação contra o tráfico de drogas estiveram entre os treinos realizados em diversos pontos de Arapongas pelos participantes do 3º Encontro Técnico com Cães de Segurança Pública. 

Hoje, os participantes recebem o certificado de “cães de faro de droga”, no encerramento do evento sediado na 7ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM). A solenidade será organizada pela Companhia de Operações com Cães do Batalhão de Operações Especiais (Bope). Ontem, o major Carlos de Almeida Baptista Sobrinho, do Batalhão da Polícia do Exército (BPE) de Osasco-SP, transmitiu instrução sobre adestramento básico e comportamento canino. 

Coordenador do evento, o capitão Vilson Laurentino da Silva, afirma que o foco principal do curso foi a transmissão de técnicas de busca e resgate de pessoas e faro de entorpecentes, com objetivo de aperfeiçoar as habilidades dos animais utilizados durante as operações especiais. “Foram feitas instruções de alto nível, tanto para aperfeiçoamento quanto aprendizado. Com isso, os trabalhos com cães será cada vez mais eficiente para proporcionar mais segurança à comunidade. Atingiu os objetivos”, pontuou.
O encontro também teve a participação do Grupamento Aeropolicial e Resgate Médico (Graer), que ministrou instrução a respeito da participação canina em operações aéreas. 

PARTICIPAÇÕES - O evento teve a participação de 110 pessoas entre instrutores e participantes. No total, o evento reuniu 19 canis paranaenses, um da Divisão Estadual de Narcóticos da Polícia Civil do Estado (Denarc), bombeiros e policiais militares. Também participaram do encontro autoridades de São Paulo, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e dos Fuzileiros Navais do Rio de Janeiro, além dos Guardas Municipais de Ponta Grossa, Curitiba, Altônia e Campo Largo.

continua após publicidade