Arapongas

Operadora do Estacionamento Rotativo orienta para aquisição antecipada dos cartões

Da Redação ·
 Operadora do Estacionamento Rotativo orienta para aquisição antecipada dos cartões
fonte: Divulgação
Operadora do Estacionamento Rotativo orienta para aquisição antecipada dos cartões

Desde a entrada em operação do Estacionamento Rotativo Pássaro Branco em ruas centrais de Arapongas, o sistema vem recebendo elogios e algumas reclamações, pela dificuldade de encontrar as orientadoras nas ruas para aquisição dos cartões de estacionamento. Conforme explica o major Arnaldo, os motoristas precisam adquirir os cartões antecipadamente para evitar este tipo de problema. “Os orientadores têm como principal missão fiscalizar o correto uso das vagas e também vendem cartões, mas nem sempre estão perto dos usuários. Melhor é procurar um posto de venda”, enfatiza o major.

continua após publicidade

Desde a implantação do Rotativo, a concessionária Caiuá, operadora do sistema, já credenciou 20 pontos de venda em estabelecimentos comerciais na área central. O diretor da Caiuá, Hélio Mizubuti, avaliou os primeiros dias de funcionamento do novo sistema como bastante positivos. Segundo ele, neste período é comum os usuários terem alguma dificuldade, seja no preenchimento ou em portar cartões de reserva, mas com o tempo, eles vão se adaptar ao sistema e perceberem que é muito mais prático e confortável, ter cartões de reserva no carro.

continua após publicidade

Os estabelecimentos comerciais da área central que tenham interesse em vender cartões do rotativo devem entrar em contato com a Central de Atendimento da concessionária Caiuá, na rua Garças, 1006, ou pelo telefone (43) 3276-1633, que a gerência agendará uma visita ao estabelecimento para fazer o credenciamento.

continua após publicidade

Disciplina
O sistema rotativo objetiva disciplinar e democratizar o uso de vagas na área central. Há vagas para carros, camionetas, motos, caminhões e caçamba. Também foram demarcadas vagas exclusivas para idosos e pessoas com deficiência. O uso de cartões por automóveis, camionetes, caminhões e motos é obrigatório de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 18 horas, e aos sábados das 8h30 às 12 horas. Cartões de meia hora custam R$ 0,50 e de uma hora R$ 1,00. Motos pagam R$ 1,00 por período – das 8h30 às 13h30 e das 13h30 às 18 horas. Em caso de irregularidade, os orientadores emitem um aviso que será afixado no veículo. As irregularidades mais comuns são ausência do cartão, preenchimento errado, tempo de parada vencido ou uso de vaga de outra categoria.

Os motoristas têm três dias úteis para cancelar o aviso mediante o pagamento de 10 horas de estacionamento. Se perder esse prazo, o aviso será enviado para a autoridade de trânsito (Secretaria de Segurança e Trânsito), que emitirá multa por estacionamento irregular. Finalizando o major Arnaldo destaca que o sistema ainda está no período de orientação e no dia primeiro do setembro inicia-se a operação pra valer. “Portanto, é bom já se adaptar a nova realidade, que com certeza já deu uma nova dinâmica para o trânsito do centro da cidade”, avaliou.