Apucarana

Vendedora de jogos lotéricos morre por Covid dias após irmã

Elas eram conhecidas em Apucarana por trabalhar com a venda de bilhetes de loteria na Praça Rui Barbosa.

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Vendedora de jogos lotéricos morre por Covid dias após irmã
Vendedora de jogos lotéricos morre por Covid dias após irmã

Morreu nesta sexta-feira (28), vítima de complicações da Covid-19 Delia Santos de Castro, de 75 anos. A irmã dela, Ivanira Pereira Pardim, de 66 anos também morreu, vítima da doença, no último dia 19 de maio. Elas eram conhecidas em Apucarana por trabalhar com a venda de bilhetes de loteria, em um estabelecimento localizado na Praça Rui Barbosa.

continua após publicidade

Segundo o sobrinho delas, Elton Santiago, Ivanira foi internada no Hospital da Providência e chegou a ser intubada. Melhorou, saiu da intubação e faleceu após ter uma parada cardíaca e insuficiência renal. Ela já havia tomado uma dose da vacina.

Delia morreu nesta sexta-feira, às 6h da manhã, após sofrer parada cardíaca. Ela já havia tomado as duas doses da vacina. Segundo o sobrinho, que está cuidando do comércio das tias, ela não chegou a ser entubada porque não tinha UTI para ela no hospital. Délia era cardíaca, tinha diabetes e era obesa.

continua após publicidade

O filho dela, também está internado com Covid-19, mas passa bem. Ele é diabético e tem 50 anos.

O sepultamento de Délia acontece neste sábado, as 11h, no cemitério Cristo Rei, sem velório.