Apucarana

Vandalismo e furto: Biblioteca da “Praça do 28” é invadida

A secretária Maria Agar lamentou muito a invasão; assista

Da Redação ·

A Biblioteca Pública Municipal “Professora Olga Antunes Pedroso”, localizada na Praça do 28 de Janeiro em Apucarana foi alvo de furto e vandalismo. O crime provavelmente aconteceu na madrugada desta segunda-feira (4). A Polícia Militar (PM) foi chamada no começo da manhã. 

continua após publicidade

Foram furtados dois notebooks, um computador,  além disso, quem agiu a biblioteca deixou uma grande bagunça, com documentos jogados no chão e gavetas reviradas, danificaram a rede elétrica e quebraram telhas. 

"Viraram as câmeras para árvores, entraram pelo telhado, quebram telhas, tem marcas na parede, quebrou cadeira, quebrou suporte, levaram a agenda da funcionária, o livro ata, arrebentaram toda parte elétrica, as pessoas ou a pessoa provavelmente sofreu um tombo quando entrou pelo teto", detalhou Maria Agar, secretária de cultura de Apucarana. 

continua após publicidade

A secretária lamentou muito a invasão. O atendimento na biblioteca foi suspenso nesta semana. "É muito triste essa situação aqui, vamos ficar essa semana sem atender, vamos organizar tudo e na semana que vem devemos reestabelecer  o atendimento. A nossa biblioteca é muito frequentada, recebemos recentemente 150 novas obras, muita gente procura a biblioteca e agora isso, é muito triste mesmo", disse.

Por causa da pandemia a biblioteca ficou mais de um ano fechada e reabriu em agosto. "Retomamos atendimentos com todos os cuidados, a literatura nova é muito procurada, em todos os anos a administração tem essa preocupação de renovar nosso acervo, vamos em breve licitar uma nova ala, a construção de uma nova sala para retomar os nossos cursos, são sete de línguas, aulas para ENEM, vamos ampliar nossa capacidade", finaliza. 

ASSISTA:

continua após publicidade

 Vandalismo e furto: Biblioteca da “Praça do 28” é invadida - Vídeo por: Reprodução  

O acervo da biblioteca é de aproximadamente 20 mil obras e é aberta ao público todos os dias da semana, além disso, conta com visitas guiadas de alunos das redes municipal e estadual para conhecimento do local, disponibiliza diversos computadores conectados à internet para uso da comunidade (pesquisas) e como ferramenta para a melhoria das oficinas oferecidas gratuitamente.

Para o empréstimo de livros na biblioteca é necessário cadastramento. A pessoa deve comparecer munida de duas fotos no formato 3×4, comprovante de endereço e documento pessoal com foto. Anualmente o espaço cadastra uma média de 400 novos leitores..