Apucarana

Suspeita de golpe acaba em prisão por porte de arma em Apucarana

A PM apreendeu munições e uma arma, pistola ponto 45

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

A Polícia Militar (PM) de Apucarana foi chamada no começo da tarde desta quinta-feira (30) para atender uma ocorrência na região da Praça Rui Barbosa, no centro da cidade, envolvendo três homens que teriam caído no golpe da OLX. 

continua após publicidade

Conforme a PM, dois homens, de 47 e 57 anos, moradores de Ponta Grossa, compraram um caminhão semirreboque de um vendedor, de 67 anos, que seria de Apucarana. 

Os homens contaram que trataram da compra com uma pessoa que seria intermediador e suspeito de aplicar o golpe. Toda a negociação foi feita através do WhatApp. Eles afirmaram que chegaram a depositar na conta do estelionatário e enviar via pix, o valor de R$40 mil para garantir o negócio.

continua após publicidade

Depois do pagamento, os dois vieram para Apucarana buscar o caminhão semirreboque com o vendedor que mora na cidade, porém, o homem disse que desconhecia a venda e que não sabia quem era a pessoa que atuou como intermediador. Por causa do desacordo comercial, a PM foi chamada.

Durante atendimento da ocorrência, a polícia constatou que o homem, de 47 anos, de Ponta Grossa, já tinha antecedentes criminais por porte irregular de arma de fogo. Ele confessou que dentro do porta-luvas havia uma arma, pistola ponto 45 e dois carregadores com munição.

A PM informou que o rapaz tinha o registro da arma, porém, não tinha o porte, então foi detido e levado para a 17ª Subdivisão Policial de Apucarana. A Polícia Civil vai apurar o golpe.  

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News