Mais lidas

    Apucarana

    REDE PRIVADA

    Sindicato cobra aumento salarial para profissionais da saúde

    Sindicato cobra aumento salarial para profissionais da saúde
    Foto por Reprodução
    Escrito por Da Redação
    Publicado em 14.04.2021, 20:27:02 Editado em 14.04.2021, 20:27:10
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    O Sindicato dos Estabelecimentos em Saúde de Apucarana e Região (Seessa Apucarana) vem atuando na luta para que os estabelecimentos de saúde da rede privada paguem um adicional de 40% sobre o salário dos trabalhadores da enfermagem, copa e limpeza dos hospitais, clínicas, laboratórios e demais estabelecimentos de Saúde da rede privada que possuem contato com os setores de combate à Covid-19.

    De acordo com a presidente do Seessa Apucarana, Marli de Castro, a entidade tem informações de que há profissionais atuando em regime de escala na linha de frente de combate ao coronavírus.

    "Estamos cobrando apenas um direito, já garantido por convenção coletiva, que é o adicional de ensalubridade para profissionais que atuam em setores de periculosidade, como é o caso de quem está trabalhando diretamente no combate à Covid-19", afirma.

    Marli também salienta que o sindicato tem recebido denúncias e reclamações de profissionais de Apucarana e da região dando conta que algumas instituições ainda não concedem o adicional.

    "Recebemos denúncias de profissionais que, oficialmente não estão escalados para trabalhar no setor de combate à Covid-19, como enfermeiros, profissionais de copa e de limpeza, que acabam tendo contato com pacientes e colegas de trabalho da linha de frente. Essas pessoas tem direito ao adicional".

    ATENDIMENTO AOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE

    A presidente do Seessa Apucarana também lembra que a entidade está de portas abertas para os profissionais de saúde que seguem atuando na linha de frente.

    "Desde o início da pandemia, estamos lutando em defesa dos nossos profissionais de saúde. Atualmente estamos notificando as instituições que ainda não estão pagando os 40% de ensalubridade e seguiremos monitorando e dialogando com os trabalhadores e com a classe patronal".

    O Seessa Apucarana fica localizado na rua Professor Erasto Gaertner, 131, próximo à Prefeitura de Apucarana. O telefone para contato é (43) 3033-4680. Para mais informações sobre as convenções coletivas e direitos dos trabalhadores, acesse www.seessaapucarana.com.br

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Apucarana

    Deixe seu comentário sobre: "Sindicato cobra aumento salarial para profissionais da saúde"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.