Ratinho Júnior autoriza ampliação da sede do Cisvir - TNOnline
Mais lidas
Ver todos

SAÚDE

Ratinho Júnior autoriza ampliação da sede do Cisvir

Governador Ratinho Junior assina autorização do início das obras
Foto por Divulgação
Escrito por Da Redação
Publicado em Editado em
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

O Governo do Estado autorizou o início das obras de ampliação da sede do Consórcio Intermunicipal de Saúde do Vale do Ivaí e Região (Cisvir), que é um centro de especialidades médicas. A liberação foi confirmada nesta quarta-feira (17) pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior, em videoconferência com os prefeitos dos municípios que compõem o consórcio, com participação do secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

O investimento estadual é de quase R$ 3 milhões na obra e para a aquisição dos equipamentos, com 5% de contrapartida municipal. O centro de especialidades é a principal estrutura para a oferta de serviços de média complexidade no Vale do Ivaí e atende 18 municípios da região, que somam população de aproximadamente 400 mil pessoas. O novo bloco, com área de 1.013 metros quadrados, vai concentrar os serviços odontológicos, laboratório de imagem e novos consultórios médicos.

O governador destacou que a programação estadual da Saúde é de fortalecer os consórcios intermunicipais dentro de uma estratégia regionalizada. “A ideia é ampliar e melhorar a parceria para atender melhor a população na saúde. Estamos com projeto de ampliação e criação dos Ambulatórios Multiprofissionais Especializados (AMMes). Um dos grandes dramas ainda é não ter médicos especialistas perto dos municípios, precisamos dar mais musculatura”, afirmou Ratinho Junior.

Ele destacou que se trata de um projeto significativo para a descentralização. “Em pouco tempo de governo ampliamos esse espaço, temos três novos hospitais regionais e estamos fechando os projetos de dez AMMEs”.

Segundo o secretário estadual de Saúde, o projeto foi organizado em Apucarana e vai facilitar o acesso a milhares de pessoas no Vale do Ivaí. “A prefeitura encampou o projeto. Passam por esse prédio todos os dias 1,5 mil pessoas. Ao longo do mês são mais de 30 mil com acesso ao prédio. Contamos com a ajuda de todos os municípios e através do consórcio demos um importante passo na atenção regionalizada”, disse.

Washington Luiz da Silva, prefeito de Kaloré e presidente da Associação dos Municípios do Vale do Ivaí (Amuvi), destacou que a ampliação garante tranquilidade de atendimento para a população. “Agora na pandemia entendemos ainda mais a dificuldade de agir na saúde e a importância de ter espaços de atendimento modernos”, acrescentou.

PROJETO – A prefeitura de Apucarana já concluiu os projetos arquitetônico, estrutural, elétrico e hidráulico e toda a documentação referente às licenças e contratação de empresa especializada, que já está definida por licitação. O prefeito Júnior da Femac, explicou que o município foi responsável pela elaboração do projeto, do orçamento, da licitação e intermediação dos recursos, com acompanhamento da diretoria do consórcio.

“O novo prédio fica na Avenida Santa Catarina, importante eixo da cidade, e próximo do terminal ferroviário, com conexões importantes com Arapongas, Jandaia do Sul e Mauá da Serra. É uma obra símbolo da descentralização da saúde no Paraná, de deixá-la mais próxima das pessoas”, disse o prefeito de Apucarana.

O projeto de ampliação prevê a construção de mais um bloco com 1.013 metros quadrados de área, que vai abrigar setores de diagnóstico por imagem, consultórios odontológicos e novos consultórios médicos, além da cobertura da área das ambulâncias.

Uma das principais novidades é no setor de odontologia, que hoje funciona em um prédio alugado em Apucarana. No novo local serão prestados atendimentos odontológicos, ortodônticos, implantes, entre outros. A ampliação do centro também vai permitir a integração de outra unidade localizada em Arapongas que também é locada. A obra com 22 novas salas deve ser entregue em 2021.

Aquiles Takeda Filho, prefeito de Marilândia do Sul e presidente do Cisvir, disse que o Governo do Estado também já liberou recursos para equipamentos. “Estamos dando um passo avançado na saúde. Essa estrutura é um braço de média complexidade para fortalecer a rede de saúde. Era preciso ampliar as especialidades, os exames e integrar odontologia.”, afirmou. “Os equipamentos também já foram autorizados, são cerca de R$ 500 mil do Governo do Estado para melhorias na saúde”.

Atualmente, o Centro de Especialidades concentra 20 consultórios oftalmológicos, ginecológicos, urológicos, ambulatórios, eletroencefalograma, espaços para exames de ultrassom, eletrocardiograma, raio-X e sala de recuperação, além de recepção, administração, cozinha, refeitório, fraldário e sanitários.

A estrutura foi inaugurada em 2016, no bairro Jardim América, e conta com 1.950 metros quadrados de área construída. No local, são feitos cerca de 120 mil consultas e 300 mil exames por ano, em áreas como cardiologia, pneumologia, oftalmologia, nefrologia, ortopedia, nutrição, psiquiatria e psicologia, além de outras especialidades.

COMSUS – O recurso para ampliação do Centro de Especialidades Médicas vêm do Programa Estadual de Apoio aos Consórcios Intermunicipais de Saúde (Comsus). No final do ano passado, o governador Ratinho Junior liberou R$ 20 milhões para 19 consórcios de saúde, que abrangem 335 municípios paranaenses.

Os consórcios intermunicipais são iniciativas autônomas das prefeituras localizadas em determinadas regiões do Estado. Elas se associam para gerir e prover serviços à população. Os consórcios somam os recursos dos municípios integrantes ao montante estadual e conseguem agilizar os atendimentos especializados. Eles foram implantados no âmbito do SUS na década de 90 e ocupam papel de destaque na Política de Saúde do Paraná.

CONSÓRCIO – Criado em 1996, o Centro de Especialidades Médicas do Cisvir atende a população pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Durante 20 anos funcionou em imóveis alugados e em 2016 ganhou sede própria em Apucarana, em um terreno de 11 mil metros quadrados doado pela prefeitura. O prédio recebeu investimento de aproximadamente R$ 3 milhões, entre estrutura e equipamentos, com recursos do governo federal, Governo do Estado e prefeitura.

PRESENÇAS - Participaram da videoconferência o chefe da Casa Civil, Guto Silva, o secretário da Comunicação Social e da Cultura, João Debiasi, e prefeitos de toda a região da Amuvi.

Deixe seu comentário sobre: "Ratinho Júnior autoriza ampliação da sede do Cisvir"

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Candidatos

Não encontramos candidatos com o filtro selecionado.