Apucarana

PC investiga estelionatário que aplicou golpe em Apucarana

Ele comprou um carro através de um anúncio na internet com um falso depósito.

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia PC investiga estelionatário que aplicou golpe em Apucarana
PC investiga estelionatário que aplicou golpe em Apucarana

Investigadores do setor de Furtos e Roubos da 17ª Subdivisão Policial (SDP) de Apucarana investigam a ação de um estelionatário que deu um golpe recentemente na cidade durante uma negociação de venda de veículo. O suspeito já cometeu pelo menos 5 crimes do tipo no Estado do Paraná somente no ano de 2021.

continua após publicidade

De acordo com o delegado titular da 17ª SDP Marcus Felipe da Rocha Rodrigues, o estelionatário chegou a Apucarana através do anúncio de venda de um veículo pela internet, realizou toda a negociação e fez um falso depósito no valor de R$ 48 mil para o vendedor. Com o recibo, o vendedor realizou a transferência do veículo, sem saber que estava caindo em um golpe.

Dois dias depois, sem receber o valor combinado, a vítima do golpe procurou a delegacia de Apucarana para registrar um boletim de ocorrências. Durante as investigações, a polícia descobriu que o carro estaria em uma garagem de venda de veículos em Maringá e que o golpista já teria cometido o mesmo crime várias vezes.

continua após publicidade

No local, a pessoa que estava com o veiculo disse que negociou sem ter conhecimento que o carro era objeto de crime e que pagou a quantia de R$ 40 mil para o golpista. Através de imagens de câmeras de segurança, os investigadores conseguiram confrontar as cenas e confirmar que o estelionatário é o mesmo que aplicou o golpe em Apucarana. 

"Vamos prosseguir com as investigações e já conseguimos qualificar o indivíduo. Constatamos que ele já tem 4 inquéritos instaurados por estelionato no Paraná somente em 2021, por isso, acreditamos que ele tenha aplicado mais golpes no estado", disse o delegado.

O veículo foi apreendido pela polícia, será realizada uma perícia e em seguida, será devolvido a vítima que registrou o boletim de ocorrências em Apucarana.