Apucarana

Padre Rezende fala sobre Nossa Senhora de Lourdes

Nesta sexta-feira (11), é celebrado o dia da padroeira de Apucarana, Nossa Senhora de Lourdes

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Padre Rezende fala sobre Nossa Senhora de Lourdes
fonte: Sérgio Rodrigo - TNOnline

Nesta sexta-feira (11), é celebrado o dia da padroeira de Apucarana, Nossa Senhora de Lourdes. O padre José Roberto Rezende, cura da catedral que leva o nome da santa, falou sobre a data tão importante para os católicos. Confira a entrevista: 

continua após publicidade

Quando começou a devoção a Nossa Senhora de Lourdes?

Padre Rezende: A devoção à Nossa Sra. de Lourdes teve início em 11 de fevereiro de 1858 na Gruta de Massabielle às margens do Rio Gave nos Pirineus-França. Naquele dia a Bem-Aventurada Virgem Maria se manifestou à jovem Bernardete Soubirous. Essas aparições se repetiram por 18 vezes. Em uma das aparições a Senhora revelou a Bernardete: "Eu sou a Imaculada Conceição".

continua após publicidade

O senhor já esteve em Lourdes na França?

Sim. Por duas vezes tive a oportunidade de visitar aquele Santuário. Lugar belíssimo não apenas pela paisagem natural, ou pelas três suntuosas Basílicas que lá foram construídas, mas pela mística que envolve tudo aquilo. Fascinante ver nas santas missas, procissões com o Santíssimo Sacramento e demais orações a presença dos enfermos sendo conduzidos em macas e cadeiras de rodas por jovens que se inscrevem como voluntários e para lá vão prestar esse serviço. Diariamente além das santas missas Solenes, há ainda uma procissão com o Santíssimo Sacramento pela área externa do Santuário e ainda a noite é rezado o “Terço Internacional” onde cada dezena é recitada em um idioma.

Por que a data coincide com o Dia mundial dos enfermos?

continua após publicidade

A data, de origem religiosa, tem o intuito de alertar a sociedade e comunidade mundial para a necessidade de condições melhores de tratamento e atenção às pessoas doentes. Por iniciativa do Papa João Paulo II, o dia foi criado em 11 de fevereiro de 1992. No Brasil, o Dia do Enfermo foi instituído através de uma iniciativa do Ministério da Saúde que, em 2002, lançou o programa de humanização dos hospitais, procurando transformá-los em ambientes mais humanos e sociáveis, não só entre os profissionais e os doentes, como também com a participação de parentes e amigos. Para esse ano o Papa Francisco escreveu uma mensagem para a ocasião onde cita entre outras coisas: “O doente é sempre mais importante do que a sua doença, e por isso qualquer abordagem terapêutica não pode prescindir da escuta do paciente, da sua história, das suas ansiedades, dos seus medos”.

E em nossa cidade porque Nossa Senhora de Lourdes é Padroeira?

Em nossa cidade um quadro, uma estampa de Nossa Senhora. de Lourdes já figurava no Altar da Primeira santa Missa aqui celebrada. Os pioneiros Antônio Vieira, José de Almeida, Manoel Sato, Manoel Sardinha Pereira, Adão Kaniewski, Hercílio Wanderlei de Alencar, Benevides Mesquita, João Câmara, Herculano Amorim Galvão, Sante Formigoni, Antônio José de Oliveira e José de Oliveira Rosa construíram um Altar na clareira da mata usando o que a natureza oferecia. A ornamentação coube à senhora Teresa de Almeida. O local é onde hoje está o Platô da Praça Rui Barbosa. E assim, de carroça foram buscar padre Carlos Dietz em Londrina para celebrar. Quando o Padre foi dar início à cerimônia, pediu se alguém tinha alguma Imagem para ser colocada sobre o Altar. O senhor José de Oliveira Rosa foi até sua casa e trouxe um quadro com a estampa de Nossa Senhora de Lourdes. E assim desde o dia 08 de dezembro de 1937, uma quarta-feira, por volta das 15 horas, Nossa Senhora de Lourdes passou a interceder por nossa terra. Em 1940, para a Primeira Capela, recém construída, o senhor Atílio Carletto doou a primeira Imagem de Nossa Senhora de Lourdes. A imagem é a que se encontra atualmente no Presbitério da Catedral de Apucarana. Uma vez que na Capela de Apucarana a imagem de Nossa Senhora de Lourdes já estava no Altar Principal, quando Dom Ernesto de Paula – Bispo Diocesano de Jacarezinho, criou a Paróquia de Apucarana, em 08 de dezembro de 1943, a nomeou como Padroeira. Em 28 de novembro de 1964 o então Papa, hoje São Paulo VI criou a Diocese de Apucarana, no Decreto a nomeou Padroeira da Catedral e da Diocese de Apucarana.

continua após publicidade

Quando começou a construção da Catedral?

A Pedra Fundamental foi abençoada por Sua Excia. Revma. Dom Geraldo de Proença Sigaud SVD – Bispo Diocesano de Jacarezinho-PR em 11 de fevereiro de 1949. Sendo que o Pároco era Padre Armando Círio OSJ, mais tarde foi Bispo de Toledo-PR e Arcebispo de Cascavel-PR. O Projeto é de autoria do Arquiteto e Artista Eugênio de Proença Sigaud. O início das obras só aconteceu em 12 de outubro de 1950. Tudo isso porque houve uma grande polêmica devido à necessidade de mudar a frente da Igreja para o lado oposto como está hoje e também a permuta de parte do terreno doado para a Igreja com parte do terreno doado ao Município para a construção da Praça. Somente vencidas essas barreiras que renderam longos e calorosos discursos de ambos os lados, a obra pode ser conduzida pelo Arquiteto Bartolomeu Giavina Bianchi. E evidentemente chegou à sua conclusão graças a uma legião de operários anônimos, mas os quais o bom Deus sabe os nomes, que não mediram esforços nas longas jornadas de trabalho nessa obra. Além disso, outra incontável porção de pessoas são os que membros das Associações Religiosas: Pia União das Filhas de Maria e Apostolado da Oração, incansavelmente batalharam levantando os fundos junto à generosa população para financiar a majestosa obra.

No dia 11 qual a programação especial da Padroeira?

Teremos santas missas às  9, 12, 15 e 19h30.Às 15 horas haverá o Sacramento da Unção dos Enfermos.