Mais lidas

    Apucarana

    Apucarana

    Nova testagem mostra contágio em declínio no Lar São Vicente de Paulo

    Nova testagem mostra contágio em declínio no Lar São Vicente de Paulo
    Foto por Divulgação
    Escrito por Da Redação
    Publicado em 17.12.2020, 18:25:28 Editado em 17.12.2020, 18:25:16
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    A Autarquia Municipal de Saúde (AMS), de Apucarana, comunicou nesta quinta (17) que dos 103 exames da Covid-19 coletados na última segunda-feira em internos e funcionários do Asilo São Vicente de Paula 89 deram negativo. Os outros 14 ainda são saíram o resultado. “Isso confirma que não está ocorrendo uma cadeia de transmissão dentro do asilo”, avalia o diretor presidente da AMS, Roberto Kaneta, lembrando que as visitas foram suspensas em março.

    Os testes do tipo PCR para Covid-19 coletados no asilo vinham sendo feitos semanalmente desde fevereiro e encaminhados para o Laboratório Central do Estado (Lacen), em Curitiba. E, no domingo, com a chegada dos resultados das coletas feitas no dia 7 de dezembro foi confirmado um surto de coronavírus no Lar São Vicente de Paulo. De 138 pessoas testadas, 23 idosos e 3 funcionários tiveram resultado positivo para Covid-19.

    Nova coleta, desta vez de 103 pessoas, foi realizada na segunda-feira (14) e enviada com urgência para o Lacen. Já entre os 23 idosos positivados anteriormente, na coleta do dia 7 de dezembro, uma senhora faleceu na semana passada. Outra vítima fatal no Lar São Vicente de Paulo, que também veio a óbito há poucos dias, testou positivo no hospital onde foi internada. Hoje (17) foi confirmado mais um óbito, o terceiro, de um interno do asilo que estava internado no Providência.

    De acordo com Kaneta, os 21 demais foram testados novamente e apresentaram resultado negativo para Covid, ou seja, já estão recuperados da doença, mas alguns precisam de cuidados médicos para tratar das sequelas.

    Kaneta espera recebe o resultado dos outros 14 exames amanhã e assim confirmar que a doença não está mais sendo transmitida dentro do asilo. Na segunda-feira, após conversas mantidas com o secretário de saúde do Paraná, Beto Preto, e o chefe da 16ª Regional de Saúde, Altimar Carleto, o prefeito Junior da Femac determinou o imediato reforço no atendimento aos idosos.

    A entidade passou a dispor de mais um médico e mais quatro auxiliares de enfermagem para acompanhamento dos internos. “Estes servidores da Autarquia Municipal de Saúde se somaram aos demais profissionais que prestam atendimento rotineiro no lar”, informou o prefeito.

     

     

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Apucarana

    Deixe seu comentário sobre: "Nova testagem mostra contágio em declínio no Lar São Vicente de Paulo"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.