Apucarana

"Muito do que eu sou hoje, devo a Nossa Senhora", diz devota

Em 12 de outubro, é comemorado o Dia de Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil

Da Redação ·

Com lágrimas nos olhos, a apucaranense e devota de Nossa Senhora Aparecida, Rosana Aparecida Tavares, de 37 anos, foi até a Catedral Nossa Senhora de Lourdes para pedir intercessão à padroeira do Brasil.

continua após publicidade

Rosana, que carrega o sobrenome da Santa, disse que a mãe não poderia engravidar, porém, aconteceu um milagre. “Minha história com Nossa Senhora Aparecida começa antes de eu nascer, minha mãe ficou sete anos tentando engravidar, ela não poderia ter filhos, mas graças a intercessão de Nossa Senhora, minha mãe engravidou, ela fez uma promessa, se ela engravidasse colocaria o sobrenome da Santa em mim, então me chamo Rosana Aparecida, e desde que nasci tenho uma ligação muito forte com ela, desde quando minha mãe estava grávida, sempre tive de encontro com ela e todos os dias ela está comigo”, detalha.

A devota recorre a Santa e pede intercessão para a cura familiar. “Eu sou muito devota e hoje eu vim no intuito de pedir intercessão para um familiar, que está enfrentando uma doença. Nossa Senhora sabe que meu coração está bem aberto, ela não me deixa sozinho e eu não a deixo sozinha”, disse.

continua após publicidade

Silvia Maria Rubia Caldeira, também de Apucarana, nasceu no dia de Nossa Senhora Apucarana, no ano de 1976. Ela contou que a devoção a Santa vem de família. A avó sofreu nove abortos até o pai dela nascer.  "Essa devoção passa pela família, de geração em geração.  Nossa família tem muitas graças recebidas, minha avó paterna, Clarisse, foi uma mulher muito forte, sofreu muito, não conseguia ter um filho, foi mãe de novo, mas teve sete abortos. Nesses abortos espontâneos ela sempre ficava internada, pois sofria hemorragias. Em um dos internamentos, minha avó contou que teve uma visão. Ela viu aos pés da cama dela, Nossa Senhora, a Santa disse a ela que ela iria ser mãe, mas que os filhos não seriam dela e sim de Nossa Senhora, logo depois minha avó engravidou do meu pai”, lembra.

Para Silvia, nascer no dia de Nossa Senhora é o maior presente que poderia receber. “Sou a neta mais velha, eu nasci no dia de Nossa Senhora, eu sinto a presença dela, esse manto, me cobrindo e abençoando várias vezes, se não fosse esse colo de mãe, não daria conta de muitas coisas. Nascer no dia de Nossa Senhora, é mais que um presente, talvez o maior presente que recebi na vida, mãe tão carinhosa, acolhedora, tão presente em minha vida. Sou a primeira neta desse casal que sofreu tanto. Depois de tanto sofrimento eu nasci no dia de Nossa Senhora, é um sinal muito grande, muito do que eu sou hoje, devo a Nossa Senhora, essa mãe tão querida”, finaliza.

Em 12 de outubro, é comemorado o Dia de Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil. A data é considerada feriado nacional desde 1980, no mesmo dia é celebrado o Dia das Crianças.

continua após publicidade

Por causa da data, considerada uma das mais importantes para os católicos, a Catedral Nossa Senhora de Lourdes preparou uma programação especial. Serão sete missas e ao final de cada uma, haverá consagração para as crianças.

"Vamos celebrar a rainha e a padroeira do Brasil. No final de cada missa haverá a consagração das crianças a Nossa Senhora, implorando a aquela que foi mãe do Senhor, possa interceder por nossas crianças, que elas possam crescer em estatura, sabedoria, santidade, em graça diante de Deus e das pessoas" disse o cura da Catedral, padre José Roberto Rezende.

O padre reforça o convite para as crianças. "Todo mundo é bem-vindo, traga as crianças a nossa Catedral, 'deixa vir a mim as crianças porque delas é o reino dos céus', falou Jesus, em nossa Catedral, as crianças são bem-vindas, nos alegra quando vemos um casal com seus filhos", finaliza. 

continua após publicidade

Os horários de missas são: 7h30/ 8h30/9h30/17h/18h e 19h30.

Santuário de Arapongas prepara carreata

continua após publicidade

Segundo o Padre Josafá Souza da Cruz, do Santuário Nossa Senhora Aparecida de Arapongas a igreja conta com várias celebrações durante o dia 12 e uma carreata será realizada às 17h30. "Após a missa das 16 horas celebrada pelo Bispo, acontecerá a procissão ou carreata em homenagem a Nossa Senhora Aparecida, vamos decidir no dia, pois dependemos do tempo. Se o tempo estiver bom faremos a procissão, que sairá da Matriz com o trajeto até a Praça Mauá, depois retornaremos à igreja. Caso chova, faremos a carreata. O trajeto vai percorrer as ruas centrais da cidade", observa o pároco. 

Confira a programação:

06h30 - Missa pelos fiéis defuntos - Pe. Josafá.

continua após publicidade

9h - Missa com bênção das crianças - Pe. Fernando.

11h - Missa - Pe. Oscar Rodrigues.

12h  - Oração Mariana.

16h  - Missa solene – Dom Carlos José Oliveira 

17h30 - Carreata.