Apucarana

MP pede exame de sanidade mental de homem que matou a mãe

Homem, de 55 anos, usou uma tesoura sem pontas para golpear a mãe, uma senhora de 75 anos

Da Redação ·
A tesoura, usada pelo homem para golpear a mãe, no interior do hospital
fonte: TNonline
A tesoura, usada pelo homem para golpear a mãe, no interior do hospital

O Ministério Público pediu a realização de exames para atestar a sanidade mental do homem que usou uma tesoura para matar a própria mãe, no dia em que ela recebia alta no Hospital da Providência, em Apucarana, em 30de janeiro.

continua após publicidade

O pedido de instauração de incidente de insanidade mental foi apresentado pelo promotor Fabrício Drummond Monteiro, da 5ª. Promotoria, ao juiz Oswaldo Soares Neto, titular da 1ª. Vara Criminal da Comarca de Apucarana.

O Ministério Público indeferiu o pedido da defesa do homem, que tentava conseguir a transferência dele para uma clínica particular, alegando insanidade. No entanto, o Ministério Público seguiu entendimento do Tribunal de Justiça, que determina que, nesses casos, o paciente seja encaminhado ao Complexo Médico Penal do estado.

continua após publicidade

O MP já ofereceu denúncia e, salvo algum laudo técnico que ateste a semi ou a total inimputabilidade do réu, o júri desse caso deve ser marcado dentro de alguns meses. O homem permanece preso.