Apucarana

Menina já conhecida por tráfico é apreendida no Dom Romeu

Garota, de 16 anos, que já tinha vários registros de abordagens policiais e sempre escapava, caiu em flagrante pela primeira vez: cocaína, maconha e crack

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

Uma garota, de apenas 16 anos, já conhecida da Polícia Militar por ter se livrado diversas vezes de flagrante por tráfico de drogas, na região do Dom Romeu, foi apreendida na noite desta quinta-feira (19), em Apucarana. Ela estava de posse de maconha, cocaína e crack, em porções prontas para comercialização.

continua após publicidade

As abordagens policiais na região ocorrem praticamente todos os dias, nos plantões policiais. O local é conhecido dos policiais por conta das sucessivas denúncias de moradores e principalmente pelo fato de o tráfico utilizar mão de obra de adolescentes. “O policial apreende o menor e o conduz à autoridade. O menor sai da delegacia antes mesmo do policial que fez a apreensão”, diz o soldado Everton Pacheco 

A adolescente é conhecida das equipes policiais e já foi abordada em várias ocasiões, no mesmo local. Nas outras ocasiões, a jovem conseguiu se livrar da droga antes da abordagem policial. Na noite desta quinta-feira, porém ela foi surpreendida pelos policiais, que fizeram a aproximação à pé. A garota estava numa mata e usava uma lanterna, como se procurasse coisas escondidas. Ao ser abordada, com uma pequena bolsa, a menina tinha com ela 29 pinos de cocaína, sendo 12 pequenos e 17 grandes, totalizando 13,5 gramas, 12 porções de maconha, totalizando 38 gramas e ainda 21 porções de crack.

continua após publicidade

A forma como as porções de maconha são embaladas para distribuição chama a atenção da Polícia Militar, ligando a menina a outras apreensões feitas recentemente no local. As porções embaladas têm, além da droga propriamente dita, brindes para os usuários, como uma seda e uma bala ou chiclete.

Há poucos dias a polícia apreendeu um adolescente, que tinha com ele uma quantidade de dinheiro e entorpecentes prontos para consumo. A maconha estava embalada da mesma forma, com mimos para os compradores.

Na apreensão realizada na noite desta quinta-feira (19), os policiais também destacam a tranquilidade com que a jovem reage às abordagens. Como não havia dinheiro com ela na apreensão, apenas as drogas, a menina teria explicado aos policiais que já tinha terminado seu turno na boca, e que o dinheiro “do dia” já havia sido recolhido para o “cabeça”, que seria alguém do Colonial. A menina chegou até a informar aos policiais que ela foi substituída, no turno, por outro menor, também conhecido dos policiais. O mesmo apreendido dias antes com droga e dinheiro.  A adolescente foi encaminhada às autoridades para os procedimentos legais, em seu primeiro flagrante. 

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News