Maioria dos carteiros volta aos trabalhos em Apucarana - TNOnline
Mais lidas
Ver todos

Greve

Maioria dos carteiros volta aos trabalhos em Apucarana

Foto por da redação
Escrito por Da Redação
Publicado em Editado em
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

Em Apucarana no Centro de Distribuição de Domicílios (CDD), no final desta sexta-feira (04), do total de 34 carteiros da unidade, apenas onze se mantinham em greve e 19 já voltaram ao trabalho, segundo o diretor do Sindicato dos Carteiros (SintCom), Fabiano Silvério.

“Aqui o pessoal fraquejou um pouco o movimento, mas continuam parados na maioria os carteiros em outras regiões conforme iniciou”, explica.

Até o momento não foi definida nova data para julgamento da questão da greve pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST). “A gente sabe que deve ser até o dia 21 deste mês, pelos comentários, mas não temos ainda a confirmação”, ressalta Fabiano.

O dirigente diz que no CDD de Apucarana a prioridade de entregas deve ser para as encomendas e apesar do retorno de parte dos grevistas a rotina de distribuição, ao menos boletos ficam sem ser entregues.

“Quem tem boleto para pagar e está na espera, pode ir atrás de outra maneira de resolver o problema porque se chegar, pode estar vencido”, alerta.

O sindicato fez uma reunião online (Live), às 15h na sexta-feira que teve o objetivo de reforçar as causas do movimento, no entanto a participação foi pequena comparando com a transmissão da noite de 18 de agosto, onde foi quase unânime a decisão pela paralisação.

Nesta quinta-feira (03), por liminar a ministra do TST Kátia Arruda determinou que 70% das atividades dos Correios são essenciais e não devem estar paralisadas. A decisão também previu que a Empresa Brasileira dos Correios e Telégrafos (ECT), não poderá descontar os dias de greve dos funcionários. “A decisão da ministra Kátia Arruda visa garantir o atendimento das necessidades inadiáveis da comunidade e o direito de greve”, diz em nota o TST.

Os Correios avisam aos clientes que situações pontuais, quando reportadas à empresa por meio dos canais oficiais de relacionamento, são serão verificadas e disponibilizou números de telefone gratuitos para contatos: (3003-0100 e 0800 725 0100 ou pelo endereço http://www.correios.com.br/fale-com-os-correios

Da Redação

Deixe seu comentário sobre: "Maioria dos carteiros volta aos trabalhos em Apucarana"

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Todos os candidatos

Não encontramos candidatos com o filtro selecionado.