Justiça concede liminar a professor e Twitter terá que apagar postagens - TNOnline
Mais lidas
Ver todos

#ExposedApucarana

Justiça concede liminar a professor e Twitter terá que apagar postagens

Foto por
Escrito por Renan Vallim
Publicado em Editado em
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

A Justiça de Apucarana concedeu liminar favorável ao pedido do professor apucaranense João Baptista Domingos Junior, o Pig, citado por mulheres em postagens do movimento #ExposedApucarana. De acordo com a liminar, a rede social Twitter terá que apagar mensagens de pessoas que citaram o professor, sob pena de multa.

A liminar foi concedida nesta segunda-feira (01), pela juíza supervisora Márcia Pugliesi Yokomizo, do Juizado Especial Cível de Apucarana. As mensagens deverão ser ocultadas temporariamente, sob pena de multa diária de R$ 1 mil, podendo chegar a até R$ 15 mil.

O advogado Aluísio Ferreira, que representa o professor, explicou que as acusações contra o seu cliente são muito graves. “Foi falado no Twitter abertamente o nome do professor e o apelido. Além disso, fizeram acusações seríssimas sobre pedofilia. Estamos processando a rede social para que tire tudo que esteja relacionado ao meu cliente”, explica.

Na manhã desta segunda-feira, algumas mulheres foram até a delegacia para formalizar denúncias feitas nas redes sociais.

Deixe seu comentário sobre: "Justiça concede liminar a professor e Twitter terá que apagar postagens"

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.