Infrações de trânsito têm queda de 22% em Apucarana; assista - TNOnline
Mais lidas
Ver todos

MENOS MULTAS

Infrações de trânsito têm queda de 22% em Apucarana; assista

Foto por TNOnline
Escrito por Aline Andrade
Publicado em Editado em
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

De janeiro a agosto, 8.576 autuações de trânsito  foram lavradas em Apucarana. O número é 22,5% menor que no mesmo período do ano passado, quando foram 11.080. Em números absolutos, foram 2,8 mil multas a menos. Os dados são de um levantamento feito pelo Detran e que contempla infrações penalizadas por órgãos nas esferas municipal, estadual e federal. 

Assista:

 

Para o superintendente do Instituto de Desenvolvimento Pesquisa e Planejamento de Apucarana (Idepplan) Carlos Mendes, a redução está relacionada a pandemia e o menor fluxo de veículos nas ruas da cidade. “A pandemia causou uma diminuição na atividade econômica em todo o mundo e em Apucarana não foi diferente e quando você tem o fechamento do comércio e a restrição de algumas atividades por um determinado tempo, as pessoas ficam mais em casa, e isso diminui as infrações de trânsito”, disse Mendes. 

A infração de trânsito mais comum em Apucarana é o desrespeito ao estacionamento rotativo, com 1.263 multas lavradas este ano. Mendes alerta que a rotatividade das vagas de estacionamento na cidade é fundamental para o desenvolvimento do comércio e depende do bom senso da população. “Apucarana é uma cidade polo, recebendo um fluxo muito grande de visitantes de todo o Vale do Ivaí que se utilizam do nosso comércio, serviços médicos, entre outros, chegando a uma população de até 300 mil pessoas com os visitantes. Precisamos de uma maior conscientização do cliente que utiliza as vagas de estacionamento para que haja realmente uma rotatividade, com a utilização das vagas num período máximo de duas horas, caso contrário, as multas serão aplicadas”, afirma o superintendente. 

Seguidas do desrespeito ao rotativo, as multas por condução de veículo sem registro (1.187), falta de cinto de segurança (679), condução com uso de celular (492) e veículo sem licenciamento (409) são as infrações mais cometidas em Apucarana. O subcomandante do 10º Batalhão da Polícia Militar major Marcos José Fácio explica que, além de um menor fluxo de veículos nas ruas, a pandemia também reduziu as blitze de fiscalização policial, mesmo assim, a PM está fiscalizando e realizando abordagens de veículos sempre que necessário. “Nosso efetivo está nas ruas e sempre que percebemos algum ato de infração de trânsito, estamos abordando os veículos e fazendo as orientações necessárias aos condutores. Em alguns casos, como uso de telefone celular ao volante, abordagem não é realizada, e a notificação é feita através do registro da placa do veículo”, explica. O major esclarece que a PM realiza as fiscalizações utilizando o máximo possível de bom senso, já que o momento econômico é delicado e muitas pessoas estão passando por dificuldades financeiras, porém, é necessário que os condutores se submetam a legislação de trânsito que aprenderam ao tirar a carteira de habilitação. “Nossa orientação aos motoristas é que eles se sujeitem às leis de trânsito e cumpram tudo aquilo que aprenderam enquanto estavam sendo habilitados”, finaliza.

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Deixe seu comentário sobre: "Infrações de trânsito têm queda de 22% em Apucarana; assista"

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.