Apucarana

Gruta de Nossa Senhora de Fátima sofre vandalismo; veja

O local, que foi construído com doações da comunidade, amanheceu cheio de sujeira, com a imagem da santa quebrada e as plantas e flores que enfeitavam o entorno arrancadas.

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

A gruta de Nossa Senhora de Fátima, localizada no Núcleo Habitacional João Paulo, em Apucarana, foi vandalizada durante a madrugada desta terça-feira, 24.  O local, que foi construído com doações da comunidade, amanheceu cheio de sujeira, com a imagem da santa quebrada e as plantas e flores que enfeitavam o entorno arrancadas. Os vândalos deixaram apenas a base da imagem no local.

continua após publicidade

De acordo com o coordenador da Pastoral do Meio Ambiente de Apucarana Amauri Henrique Rosina, o espaço foi construído com a participação de muitas famílias.

Este espaço é cuidado pela Pastoral do Meio Ambiente que idealizou a Trilha Ecoreligiosa e a construção da Gruta, ao fundo da paróquia. Todo o trabalho foi realizado com doações de integrantes da pastoral e da comunidade que conheceram e se encantaram com o espaço. A pastoral começou a construir e começamos a ganhar, as pedras para decorar, a imagem foi doada por duas pessoas, as plantas por várias famílias, muitas pessoas da comunidade têm a sua contribuição”, revelou Rosina.

continua após publicidade

Ele conta que o espaço vem sendo muito utilizado por pastorais e movimentos da paróquia, como famílias, catequese, Mães Intercessoras, Apostolado da Oração, Marianos, Pastoral Familiar, Pastoral Afro, dentre outros, vem utilizando o espaço de espiritualidade integrado a natureza. A destruição do local traz tristeza, principalmente por conta da data, que é importante para a Pastoral.

Neste dia 24, comemoramos o sétimo aniversário de publicação da Carta Encíclica "Laudato Si", sobre o cuidado da casa comum. Esta publicação foi o que norteou a nossa Diocese para a criação das Pastorais do Meio Ambiente. Ao longo da semana, estamos realizando diversos eventos para comemoração da data, e hoje, recebemos essa triste notícia do vandalismo”, disse.

O coordenador da Pastoral garantiu que a paróquia não pretende realizar boletim de ocorrência e que a comunidade já está se mobilizando para reconstruir o local. 

continua após publicidade

Veja como ficou o local:

  null - Vídeo por: Reprodução  

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News