Apucarana

Filho é preso depois de agredir o pai pela segunda vez no mesmo dia

Pai, de 63 anos, diz que agressões são frequentes e, depois de dois casos no mesmo dia, decidiu buscar ajuda e pedir medida protetiva

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
imagem ilustrativa
fonte: TNonline/arquivo
imagem ilustrativa

Cansado das sucessivas agressões por parte do filho, de 30 anos, um homem acionou a Polícia Militar de Apucarana para denunciar o caso e pedir proteção policial. O pai, de 63 anos, foi agredido duas vezes só nesta sexta-feira (17), quando decidiu buscar ajuda. O agressor foi preso.

continua após publicidade

O caso se deu no Jardim Colonial II, na avenida Aviação, no início da noite desta sexta-feira (17). O homem acionou a Polícia Militar pelo fone 190 para informar que o filho, de 30 anos, estava em casa bastante alterado e agressivo. O homem disse que havia sido agredido e estava sendo ameaçado pelo filho.

A Polícia Militar deslocou uma equipe para o endereço da ocorrência. No local, o agressor já havia saído e não foi localizado. Em contato com a vítima, ele relatou aos policiais que a situação é bastante frequente e que, nesta sexta, por volta das 18 horas, foi agredido e ameaçado, mais uma vez.

continua após publicidade

No entanto, nesse primeiro momento, o homem informou que não pretendia, mais uma vez, representar contra o filho. Assim, a equipe da PM orientou a vítima e deixou o local.

Logo na sequência, no entanto, o filho voltou ao local e, mais uma vez, agrediu o pai com empurrões e voltou a fazer as ameaças, dizendo que iria pegá-lo. Com a segunda agressão seguida, o homem ligou para a Polícia Militar novamente e, desta feita, disse que pretendia representar contra o filho e entrar com pedido de medida protetiva para cessar as constantes agressões.

A equipe policial deu voz de prisão ao homem de 30 anos e o encaminhou para a 17ª. Subdivisão Policial para as medidas cabíveis. 

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News