Apucarana

Estado libera R$ 3,7 milhões para escolas da região

Recursos são do Fundepar e do projeto "Escola Mais Bonita" para reparos e melhorias nos estabelecimentos da rede estadual

Da Redação · GoogleNews

Siga o TNOnline
no Google News

Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
Imagem ilustrativa da notícia Estado libera R$ 3,7 milhões para escolas da região
fonte: TNonline

A Secretaria Estadual de Educação do Estado do Paraná (Seed-PR) liberou R$ 3,7 milhões para melhorias nas escolas da região. São R$ 2,17 milhões do Fundepar (Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional) e R$ 1,55 milhão do programa “Escola Mais Bonita 2”. Os recursos são destinados para reformas e reparos nos estabelecimentos de ensino da rede estadual.

continua após publicidade

O Fundepar já concluiu a licitação de obras em sete escolas de quatro municípios pertencentes ao Núcleo Regional de Educação (NRE), de Apucarana. O Colégio Estadual Antônio dos Três Reis de Oliveira, de Apucarana, é um dos beneficiados. A ordem de serviço já foi assinada e prevê reparos no estabelecimento orçados em R$ 299.888,08. Segundo a diretora Rosana Cavalheiro Ortiz Adriano, os recursos serão aplicados na reforma da quadra esportiva e também no conserto de rachaduras existentes no prédio. “São desgastes naturais da construção da escola que serão corrigidos”, explica.   

Outro estabelecimento da rede estadual de Apucarana beneficiado é o Colégio Cívico-Militar Padre José Canale. Serão R$ 380 mil investidos no local. O dinheiro será aplicado em diversas melhorias, segundo o diretor Roberto Carlos de Oliveira, o Canela. Ele cita a ampliação do pátio, troca de janelas antigas e readequações nas salas da direção e da secretaria da escola, entre outros reparos. “São obras necessárias para melhorar a estrutura tanto para os professores e funcionários quanto para os alunos”, assinala o diretor.  A ordem de serviço será assinada nesta quarta-feira (25).

continua após publicidade

O Tadashi Enomoto também foi incluído no “pacote”, com obras contratadas de R$ 287 mil. A ordem de serviço já foi assinada e a obra, segundo o NRE de Apucarana, já começou. Outro estabelecimento de ensino de Apucarana beneficiado é o Carlos Massaretto, com R$ 154,2 mil. A ordem de serviço também será assinada nesta quarta-feira (25).

As outras escolas contempladas na região são a Marquês de Caravelas, de Arapongas, com R$ 373 mil; a Francisco Ferreira Bastos, com R$ 279 mil, também de Arapongas; e o Rebouças, de Rio Bom, com R$ 396,6 mil.

Outros dez colégios também serão atendidos, segundo planejamento de 2022 do órgão, mas ainda estão em fase de finalização dos projetos de engenharia antes do processo licitatório.  Serão mais R$ 3,4 milhões nesta segunda etapa. Os estabelecimentos de ensino ficam em cinco cidades: Apucarana (Luiz José dos Santos e Nilo Cairo); Arapongas (Walfredo Correa, Emilio de Menezes e Antonio Novaes); Jandaia do Sul (Unidade Polo e Jandaia do Sul); Sabáudia (Sabáudia e Herminia Lupion) e Faxinal (Olavo Bilac).

continua após publicidade

Os recursos para as escolas foram conquistados após intermediação do ex-prefeito de Apucarana e ex-secretário de Saúde Beto Preto (PSD), que ocupa atualmente o cargo de assessor especial da governadoria no Palácio Iguaçu. "É importante demonstrar que a gente está trabalhando e olhando para todas as áreas. Essas obras são fruto de longas conversas e planejamento junto ao secretário Renato Feder e junto a Fundepar", comenta, afirmando que há outros projetos na área de educação sendo tratados pelo governo do estado. "O governo trabalha para trazer a melhor condição possível para as escolas", diz, citando a retomada das obras do alojamento do Colégio Agrícola e a construção da sede própria do Colégio Godomá Bevilacqua, ambos em Apucarana. 

ESCOLA MAIS BONITA

O chefe do NRE de Apucarana, Vladimir Barbosa da Silva, afirma que são obras importantes para melhorar a estrutura das escolas, resolvendo problemas de desgaste acumulados ao longo dos anos.

continua após publicidade

Vladimir acrescenta também que 25 escolas de 12 municípios da região foram contempladas com o programa “Escola Mais Bonita 2”, do governo estadual. Dezenove colégios receberam R$ 50 mil e seis R$ 100 mil. São recursos para pequenas intervenções e reparos.

“Esse dinheiro já está na conta das escolas”, diz Vladimir. No total, são R$ 1,55 milhão do “Escola Mais Bonita” para melhorias nos estabelecimentos de ensino da rede estadual.

Por Fernando Klein