Apucarana

Escola Madalena Côco recebe R$ 3,1 milhões em investimentos; veja

Estabelecimento de ensino tem 216 alunos e funciona na Vila Martins; obras preveem reforma e ampliação

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

O prefeito Junior da Femac (PSD) e a secretária de educação Marli Fernandes assinaram, na tarde desta sexta-feira (10), ordem de serviço para a realização de melhorias na Escola Municipal Professora Maria Madalena Côco, situada na Vila Martins. A unidade de ensino passará pela reforma de 1.058,40 m² e a ampliação de 1.416,56 m². O investimento soma R$3.124.323,28.

continua após publicidade

O projeto arquitetônico prevê a construção de cozinha, refeitório, depósito de alimentos, lavanderia, sanitários e dez salas de aula completamente novos. Além disso, serão revitalizadas outras cinco salas de aula, a secretaria escolar e as salas de direção, coordenação e dos professores.

Das 58 unidades de ensino que compõem a rede municipal de Apucarana, a Escola Professora Maria Madalena Côco é a única que ainda não havia sido contemplada com reforma e ampliação. “O Município não podia investir recursos no prédio porque ele não fazia parte do seu patrimônio. A propriedade era do governo do Estado. Entretanto, no final do ano passado, graças à intervenção do ex-prefeito Beto Preto, a Paraná Edificações repassou a escritura do imóvel, que possui 3.543 m2 e está avaliado em R$ 1,6 milhão, à administração municipal”, explicou o prefeito Junior da Femac.

continua após publicidade

A Escola Professora Maria Madalena Côco possui atualmente 216 alunos, matriculados em turmas da Educação Infantil e dos anos iniciais do Ensino Fundamental (1º ao 5º ano). “Devido ao atendimento em período parcial, a unidade recebe crianças de praticamente todos os bairros da cidade, como Vila Martins, Vila São Carlos, Jardim Interlagos, Núcleo João Paulo, Vila Regina, Residencial Orlando Bacarin, Núcleo Dom Romeu Alberti, Jardim Sabiá e até das comunidades rurais de São Domingos, Barreiro, Tatuzinho e Nova Ukrânia. Com a reforma e ampliação do prédio, a escola dobrará o número de vagas ofertadas à população,” detalhou a secretária de educação Marli Fernandes.

“A obra também facilitará a circulação dos professores, funcionários e alunos pelo ambiente escolar nos dias de chuva, pois o prédio ganhará cobertura desde o portão de entrada até a última sala de aula. A quadra esportiva ainda será contemplada com a construção de uma arquibancada,” acrescentou a arquiteta da Autarquia Municipal de Educação, Andressa Aires de Proença.

A vice-presidente da Associação de Pais, Mestres e Funcionários (APMF) da Escola Municipal Professora Maria Madalena Côco, Cristina Pedroso de Alexandre, agradeceu à administração municipal pela realização da reforma e ampliação do prédio. “Nós estamos muito contentes com o início dessa obra, que trará mais segurança e conforto para os nossos filhos,” disse.

continua após publicidade

A empreiteira Pires Construções e Engenharia Eireli venceu o processo licitatório e ficará responsável pela execução dos serviços, que têm prazo de dez dias para começar.

Participaram ainda da solenidade de assinatura da ordem de serviço para a reforma e ampliação da Escola Municipal Professora Maria Madalena Côco, o vice-prefeito Paulo Vital; os vereadores Mauro Bertoli, Luciano Facchiano, Tiago Cordeiro de Lima, Rodrigo Lievore (Recife) e Jossuela Pirelli. Todos discursaram no evento, enaltecendo a qualidade da educação de Apucarana, em conteúdo e estrutura física.

Também participaram secretários municipais; o engenheiro Márcio Pires; a tesoureira da APMF, Andréia Isabel de Matos Mizael Pereira; a representante do Conselho Escolar, Mariana Malta; a diretora escolar Sandra Andréia Mincachi da Silva, além da equipe da Autarquia Municipal de Educação.

null - Vídeo por: Reprodução   

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News