Apucarana

Enfeites de Natal: uma tradição que já dura 25 anos

Da Redação ·

Uma tradição que já dura 25 anos. Na casa de Lourival Galdino dos Santos de 65 anos não pode faltar enfeites de Natal. O apucaranense faz questão de embelezar a casa dele para esperar o dia do nascimento de Jesus. Até as canções natalinas não podem faltar nessa época. 

continua após publicidade

O aposentado mora com a esposa no Jardim América e desde que veio do sítio para a cidade, quando ainda era um jovem, começou a despertar o interesse pela decoração, cada ano, fazia algo diferente. "Quando eu era criança não tinha dessas coisas, quando mudei para a cidade que fui descobrir o que era os enfeites e percebi que Natal não é Natal sem enfeites, então eu comecei com pouco, com apenas alguns piscas-piscas, e em todos Natal eu ia acrescentando mais alguma coisa, agora eu enfeito a casa toda. É Natal, é o nascimento de Jesus, precisamos nos preparar para essa data tão especial, então tem que ter luzes, beleza, alegria, tudo para receber Jesus", explica. 

A paixão por enfeites é tão grande, que neste ano, a intenção era de preparar até um 'caminho' de luzes na rua da casa dele. "Só não fiz isso, por que meus filhos falaram que era de mais. Mais coloquei enfeites no teto, do lado de fora do muro, dentro de casa, ainda estou finalizado a decoração, dá trabalho, tem que ter paciência, se queima uma luz tem que trocar, mas não me importo, gosto de enfeitar e de ter muitos enfeites", animado disse o aposentado. 

continua após publicidade

Lourival tem dois filhos, ele conta que já é costume em todo final de ano, a família se reunir para ajudar ele a preparar a decoração. "Em todo ano, nos finais de semana reúne meus filhos, o Leandro e o Thiago, as noras e é só alegria, vamos preparado a decoração aos finais de semana. Todos eles tem sua casa, mas é tradição enfeitar a minha todos juntos e sempre passamos a data juntos", disse.

Leandro Fraga dos Santos tem 27 anos, e não se lembra de um Natal que não tenha tido enfeites na casa deles. Algumas lembranças das decorações vão ficar para sempre na memória. "Nunca vou me esquecer de um Natal, eu tinha uns sete anos, meu pai comprou um monte de bandeiras do papai Noel, fez um varal e espalhou as bandeiras, mais parecia festa junina, só que no Natal. Meu pai montou tudo, mas veio uma chuva e os papéis derreteram, nunca vou me esquecer. Meu pai sempre gostou, então nem enfeitamos a nossa casa, é tradição ajudar enfeitar a dele, tradição que já estamos passando para o meu filho, primeiro neto dele, que vai passar o primeiro Natal em família", comenta o filho. 

Até músicas de Natal tem que tocar nessa época. "Meu pai ama de mais o Natal, chega dezembro, em casa, no carro, na empresa que tenho, de repente tá tocando uma música de Natal no rádio, pode saber que é meu pai que colocou. As vezes chego na casa dele e ele tá lá escutado as canções natalinas", detalha Leandro. 

continua após publicidade

Lourival garante que a alegria dele é ver as pessoas admirando a decoração de sua casa. "Fico tão feliz quando escuto alguém na frente de casa falando: olha que lindo, tem gente que tira fotos, e é isso que eu quero com a minha decoração, é deixar as pessoas felizes, mostrar o brilho que o Natal tem. Não importa se você não tem esse costume de enfeitar, se tem poucos enfeites, mas devemos lembrar que a data, o Natal, tem um grande significado, o nascimento de Jesus, então devemos celebrar esse momento com alegria. Por isso enquanto eu tiver forças, com ajuda da minha família, vamos sempre preparar os enfeites com muita alegria", ressalta.

O aposentado já participou até dos concursos que Apucarana realiza para escolher a decoração natalina mais bonita da cidade. "Já participei duas vezes, uma fiquei em terceiro lugar, a outra em segundo. Esse ano se tiver vou participar de novo. Mas mesmo com concurso ou não, já faço esse enfeites há 25 anos e quero continuar em todo Natal, sempre", finaliza.  

Enfeites de Natal: uma tradição que já dura 25 anos fonte: Reprodução
continua após publicidade

Enfeites de Natal: uma tradição que já dura 25 anos fonte: Reprodução

Enfeites de Natal: uma tradição que já dura 25 anos fonte: Reprodução

Enfeites de Natal: uma tradição que já dura 25 anos fonte: Reprodução