Apucarana

Empreendimentos solidários recebem profissionalização

Consultoria leva produtos de gastronomia à expansão de mercado e ao atendimento às normas de qualidade.

Da Redação ·

Mais uma etapa de profissionalização dos empreendimentos solidários vem sendo implementada, alavancando o Programa Municipal de Economia Solidária e Protagonismo Feminino, da Secretaria da Mulher e Assuntos da Família, a um novo patamar, graças ao trabalho de consultoria de uma engenheira de alimentos da própria Rede de Mulheres Solidárias – um empreendimento trabalhando em prol de outros pequenos negócios.

continua após publicidade

Os produtos da área de gastronomia receberam tabelas nutricionais, cadastramento em órgãos reguladores, rotulagem, fichas técnicas padrão e treinamento de funcionários com foco higiênico-sanitário. O trabalho é realizado sob a responsabilidade da empreendedora solidária e engenheira de alimentos Flávia Montanuci, da “Boas Práticas Consultoria”, que atende pequenas empresas, restaurantes e bares, elabora manuais de boas práticas, procedimentos operacionais padrão (POPs) e memoriais, além de serviços de otimização de layout de cozinhas de restaurantes.

Os objetivos da consultoria têm foco na qualidade, redução do desperdício e do tempo, e, com isso, aumento da produtividade. “Essa etapa do Programa de Economia Solidária de Apucarana mostra o avanço dos empreendimentos e a solidez profissional de nossas empreendedoras, determinadas a expandirem seus negócios. A consultoria estabelece um novo patamar de mercado para os empreendimentos da rede”, disse o prefeito Junior da Femac. “A administração municipal apoia e dá todo suporte necessário para que esse crescimento aconteça”, afirmou.

continua após publicidade

Os empreendimentos Rancho Carvalho – licores artesanais, Quitutes da Paty, Orgânicos Terra dos Ventos, Torresmo do Roberto, Nutri Sabor – bolachas artesanais, La Casa da Panqueca, Chant & Cake e Alecrim Empório & Gourmet já receberam o treinamento da consultoria.

Para a secretária da Mulher Denise Canesin, o apoio da consultoria solidária é um mais um incentivo à expansão da Rede de Mulheres Solidárias de Apucarana. “O conceito de economia solidária não poderia ser mais claro: um empreendimento ajudando outros a subir mais um degrau de profissionalização e expansão”, explicou. “Assim, nossas empreendedoras podem adequar seus produtos artesanais a todas exigências de mercado.” A secretária ressaltou ainda que a produção da área de gastronomia da economia solidária também é acompanhada pelo departamento de garantia nutricional e alimentar da Secretaria de Assistência Social do município.