Apucarana

Deputado defende Bolsonaro e pauta conservadora; assista

Ricardo Arruda (PL), autor do projeto que proíbe a exigência do passaporte sanitário, defende "ideais" do atual presidente

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
Imagem ilustrativa da notícia Deputado defende Bolsonaro e pauta conservadora; assista
fonte: Sérgio Rodrigo/Tribuna do Norte

Um dos principais nomes conservadores do Paraná, o deputado Ricardo Arruda (PL) cumpriu agenda política nesta sexta-feira (21) na região. Em entrevista ao TNOnline, ele defendeu a “seriedade” do governo Jair Bolsonaro (PL) e também os projetos de sua autoria, muitos deles focados na temática “família e religião”.

continua após publicidade

Defensor ferrenho de Bolsonaro, ele afirma que compactua dos mesmos ideais do presidente. “O presidente tem a mesma linha que a gente atua. Defendemos as mesmas bandeiras: Deus, Pátria, família e liberdade”, diz o político, que integra a bancada evangélica da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep). 

Segundo o parlamentar, o Brasil melhorou muito com o atual governo. “Não se ouve mais falar de corrupção. Mesmo com a pandemia de covid-19 e da guerra na Ucrânia, não faltou dinheiro para nenhum município do Brasil. Isso reflete o trabalho honesto que é feito”, elogia. Ele afirma ainda que Bolsonaro é o presidente que mais visitou o Paraná, citando suas passagens recentes pelas feiras agropecuárias de Londrina e Maringá, e também destacando seus projetos para o Estado.

continua após publicidade

Bolsonaro, inclusive, deve visitar novamente o Paraná. O presidente vai participar da Marcha para Jesus em Curitiba na manhã deste sábado (21). Ele deve desembarcar na capital do Estado ainda nesta sexta-feira (20).

Defensor do novo contrato de pedágio, Ricardo Arruda refuta críticas ao modelo proposto pelo governo federal e que deve vigorar em 2023. “O (novo contrato do) pedágio prevê R$ 43 bilhões em investimentos. É quase a arrecadação de um ano inteiro no Paraná. As tarifas vão diminuir 50% e serão 1.800 km de estradas duplicadas”, diz, acrescentando que “tudo que vem do Bolsonaro eu acredito muito, porque a gente vê a seriedade”.

Arruda acredita na reeleição do atual presidente, apesar das pesquisas mostrarem o petista Luiz Inácio Lula da Silva na frente. “São pesquisas mentirosas”, rebate, citando como exemplo a aglomeração em torno do presidente nos eventos que participa pelo País. 

continua após publicidade

Durante sua passagem pela região, o deputado comentou sobre emendas destinadas a municípios da região, como R$ 700 mil para pavimentação com pedras irregulares em Ariranha do Ivaí, R$ 100 mil para saúde em Apucarana e R$ 400 mil para asfalto em Califórnia, além de repasses para escolas de Apucarana, Califórnia e Marilândia do Sul.

“Eu foco mais em emendas para os municípios menores e também em projetos de lei. Muitos falam que as minhas propostas são polêmicas. Sei que elas mexem com muita gente, mas são de interesse da sociedade”, diz, citando algumas matérias de repercussão, como a proibição da obrigatoriedade do passaporte sanitário, do combate à pedofilia nas escolas e também a que proíbe banheiros unissex no Estado, entre outros temas. ASSISTA:     null - Vídeo por: Reprodução   



GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News