Mais lidas

    Apucarana

    DE NOVO

    Com nova alta, gasolina pode chegar a R$ 6 em Apucarana

    Com nova alta, gasolina pode chegar a R$ 6 em Apucarana
    Foto por Reprodução/ Arquivo
    Escrito por Cezar Neves
    Publicado em 19.02.2021, 10:15:02 Editado em 19.02.2021, 10:13:44
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    Desde a zero hora desta sexta-feira (19), a Petrobras já tem novos valores saindo para as distribuidoras. Com novo aumento, anunciado ontem, a gasolina sobe 10,2% e o diesel fica 15,2% mais caro nas refinarias, uma alta acumulada de 25% no ano. A gasolina, já subiu 31% em 2021, pode bater os R$ 6 por litro nas bombas, segundo empresários do setor ouvidos pela reportagem, que também apontam para alta do etanol decorrente do aumento do consumo do biocombustível.

    Segundo a empresária Carmen Lúcia Martins, que administra dois postos de combustíveis em Apucarana, a estimativa é que o litro da gasolina chegue a R$ 6 até o fim do mês. “Altas de 3 a 5 centavos até tentamos segurar, mas assim fica impossível manter os preços, com a previsão de repasse R$ 0,22  por litro para a gasolina e até R$ 0,37 no diesel”, diz. Ela estima que o diesel passe dos R$ 4. “Realmente é preocupante a política de combustíveis que vincula os preços ao mercado internacional e ao dólar”, comenta. 

    Rodrigo Ducati, que também é proprietário de posto, comenta que recebeu um comunicado do distribuidor na manhã de ontem avisando que os pedidos com preço antigo se encerraram as 09h59, antes mesmo da entrada em vigor oficial do reajuste. “O mercado está desesperado. O sentimento é de revolta e tudo que sabemos é que vai subir mais ainda”, comentou.

    A preocupação com a reação do consumidor também é sentida pelo administrador de outo posto da cidade Tiago Castilho, que alerta para a alta do etanol. “Nunca vi o etanol subir tanto como hoje. Já teve distribuidora tentando repassar etanol com R$0,43 de reajuste e creio que na próxima semana o preço do litro pode chegar nos R$ 4”, explica. 

    O Serviço de Proteção ao Consumidor (Procon) tem recebido principalmente reclamações dos combustíveis, quanto aos preços em relação a outras cidades da região. “Esta é uma situação referente à política de preços diferentes praticada pelas distribuidoras. Como o mercado é livre isso ocorre com frequência”, com isso a orientação é básica. “Há que se pesquisar os preços ou até optar pela substituição para o álcool”, enfatiza o coordenador do Procon José Carlos Balan.Ontem, o preço mínimo da gasolina praticado em Apucarana era R$ 5,05

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Apucarana

    Deixe seu comentário sobre: "Com nova alta, gasolina pode chegar a R$ 6 em Apucarana"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.