Apucarana

Casal pede ajuda para custear tratamento da filha

A pequena Manu teve sérias complicações devido a uma pneumonia necrotizante e ficou 38 dias na UTI e fez mais de 2 mil exames, totalizando dois meses de internação

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
Imagem ilustrativa da notícia Casal pede ajuda para custear tratamento da filha
fonte: (Divulgação

O casal de apucaranenses Mariana Rechi e Thales Pelissari pedem ajuda para custear o tratamento da filha Manu, de apenas 1 ano e 11 meses. A pequena está internada há mais de 2 meses devido a uma pneumonia necrotizante, extremamente agressiva. 

continua após publicidade

O casal, que passou por momentos muito difíceis, agradeceu a rede de oração formada por familiares, amigos e todas as pessoas que dedicaram tempo para direcionar energias positivas para Manu, que agora está se recuperando. 

Nas redes sociais, a mãe de Manu divulgou um vídeo em que relata todo o drama vivido pela família nesse período. "Tudo começou com uma internação em Maringá. Em menos de uma semana, precisamos realizar uma transferência aérea com urgência para Unidade de terapia Intensiva (UTI) no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, devido ao agravamento do quadro. Nossa pequena precisou ficar 24 dias em um sistema de respiração extra corpórea para que seu pulmão começasse a se recuperar", conta.

continua após publicidade

No post, a cirurgiã-dentista relata que a Manu passou por três cirurgias, uma delas sendo a retirada de uma parte pulmonar. Foram ao todo 38 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e mais de 2 mil exames realizados. "Passamos por grandes complicações no meio do caminho. Foram três paradas cardiorrespiratórias e sepse geral, mas Deus esteve cuidando da Manuela e ela conseguiu se recuperar sem nenhuma sequela neurológica", conta. 

A família continua em São Paulo, pois Manu ainda tem uma fístula pulmonar para por acompanhamento médico. "Contamos com a ajuda de amigos e familiares, nesse momento tão delicado. Já passamos de dois meses de internação e a questão financeira é primordial. Os números já passam de 7 dígitos. Contamos com sua ajuda!", finaliza o post. 

O casal também divulgou dados bancários para que as doações possam ser transferidas:

continua após publicidade

Chave PIX: 082.253.589-02

Thales W. de Oliveira Lissari (Pai da Manu)

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News