Apucarana

Capela mortuária volta a receber velórios no Pirapó

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Capela mortuária volta a receber velórios no Pirapó
fonte: Denobi
Capela mortuária volta a receber velórios no Pirapó

Depois de alguns meses fechada para obras de reforma e ampliação, a Capela Mortuária do Distrito de Pirapó foi liberada para uso nesta sexta-feira (5). A entrega dos investimentos, feitos com recursos da Autarquia dos Serviços Funerários de Apucarana (Aserfa), aconteceu nesta sexta-feira (5) em ato simbólico que contou com a presença do prefeito Júnior da Femac, do vereador Franciley “Poim”, do diretor-presidente da Aserfa, Marcos Bueno, e do secretário Municipal de Obras, Herivelto Moreno.

continua após publicidade

O ato restrito para evitar aglomeração de pessoas, segue normativa em prevenção ao novo coronavírus (Covid-19). Segundo destaca o prefeito Júnior da Femac, as obras envolveram reforma de 105,41 metros quadrados e ampliação em 61,90 metros quadrados. Inaugurada no ano de 2004, juntamente com a Praça da Esperança, esta foi a primeira grande intervenção feita no espaço.

“O Pirapó é uma localidade que a gente tem muito orgulho, formada por famílias pioneiras e trabalhadoras. Tudo que fizermos pelo distrito é pouco para retribuir o carinho que essa população tem para com a gestão Beto Preto e para com Apucarana. Aqui realizamos muitas obras ao longo destes mais de sete anos de mandato e a nova capela mortuária, que entregando oficialmente para uso da comunidade, tem o olhar do ex-prefeito Beto Preto e do vereador Poim, que batalhou e acompanhou de perto toda a obra para que ficasse maravilhosa como ficou”, disse o prefeito Júnior da Femac, salientando o trabalho do diretor-presidente da Autarquia dos Serviços Funerários de Apucarana (Aserfa), Marcos Bueno e da equipe da Secretaria Municipal de Obras, comandada pelo engenheiro civil Herivelto Moreno.

continua após publicidade

Júnior frisa que a obra deixou o espaço apropriado para acolher as famílias em uma hora muito dura, que é o momento em que se perde um ente querido. “Estamos vendo isso muito de perto com a pandemia do novo coronavírus. Em Apucarana três famílias já passaram por isto, no Brasil mais de mais de 34 mil, no mundo quase 400 mil mortes, e nessa hora sabemos que no mínimo tem que haver um ambiente adequado, que acolha a família e os amigos que vêm fazer a memória de quem está partindo”, disse o prefeito, lembrando que a administração vem realizando diversos outros investimentos com os recursos funerários.

Além da ampla reforma, com melhorias na cozinha, troca esquadrias, pisos e revestimentos, revisão da cobertura, do abrigo de entrada, execução de muros de fechamento, nova estrutura elétrica e pintura, remoção dos banheiros da parte interna e construção em anexo com maior acessibilidade, resultando em mais espaço para a sala de velórios. A vencedora da licitação foi a empresa Pires Construções e Empreendimentos Ltda, de Apucarana e o valor do investimento foi de R$150.893,89.

“Esta capela foi construída em 2004 e desde então tem sido muito importante para atender a comunidade, mas ficou pequena e necessitava de melhorias. Existiam dois espaços de varanda e, a pedido dos moradores o ambiente foi fechado com blindex. O banheiro foi realocado para um espaço maior, bem como promovidas outras melhorias para atender aos usuários com maior conforto e acessibilidade”, confirmou Herivelto Moreno, secretário Municipal de Obras. Na área externa também foram feitas melhorias na iluminação, instalação de mais bancos e limpeza geral.

continua após publicidade

O diretor-presidente da Aserfa, Marcos Bueno, destacou a importância da obra. “Este distrito é praticamente uma cidade. Possui uma população numerosa e a reforma e ampliação da capela mortuária eram muito necessárias. Por ser um serviço municipalizado, os serviços funerários recebem uma atenção muito grande por parte da prefeitura. Nesta obra no Pirapó, o projeto contemplou a necessidade da comunidade com um novo espaço, muito bonito e com capacidade para até dois velórios simultâneos”, informou Bueno.

A conquista da melhoria foi comemorada pelo vereador Poim. “Ficou uma capela mortuária bonita e moderna, do jeito que planejamos juntamente com o ex-prefeito Beto Preto, o atual prefeito Júnior da Femac, o diretor da Aserfa, Marcos Bueno, e o secretário de Obras, Herivelto Moreno. Em um momento que ninguém quer, mas infelizmente vai passar, as famílias vão encontrar pelo menos um ambiente adequado, com mais conforto, com um espaço maior, tudo novo. Em nome de todos os moradores do Distrito de Pirapó agradeço a gestão Beto Preto/Júnior da Femac por esta e outras obras viabilizadas para o distrito”, disse o vereador.