Apucarana

Campeão apucaranense sonha com o título do Transcatarina

O piloto Leandro Pereira Moor, o Ximura, já confirmou presença no 13º Transcatarina. O apucarense é o atual campeão do evento e sonha com o bi da categoria Máster

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Campeão apucaranense sonha com o título do Transcatarina
fonte: Reprodução
Campeão apucaranense sonha com o título do Transcatarina

Faltam cerca de quatro meses para o Transcatarina – um dos maiores eventos off-road do país – e o grid já conta com 270 pré-inscritos, sendo 224 confirmados. De Apucarana (PR) o piloto Leandro Pereira Moor, o Ximura, garantiu participação e lutará pelo segundo título consecutivo do Transcatarina – prova da qual ele participa há dez anos (este ano, serão 11 participações). Ele compete ao lado do navegador Claudio Flores, o Bilu (de Itajaí, SC).

continua após publicidade

O 13º Transcatarina terá início no dia 26 de outubro (terça-feira), na cidade de Fraiburgo, no Vale dos Imigrantes. A secretaria de prova abrirá a partir das 10h, para a recepção dos participantes, com entrega dos kits do evento. Os municípios que fazem parte do roteiro são Lages e Caçador, com chegada em Tubarão, no dia 30 de outubro (sábado). São Joaquim e Urubici estão neste percurso.

As categorias disponíveis são de competição (Máster, Graduados, Turismo, Turismo Iniciante e Turismo Light), e de passeio (Passeio Expedition, Passeio Radical 1 e 2, Camping e Adventure 1, 2 e 3). 

continua após publicidade

Rally, trilhas e aventuras

 O Transcatarina reúne diversos perfis de off-roaders, desde aqueles que gostam de uma competição aos que preferem um passeio. “E aí, temos várias opções de trilhas: de nível pesado, médio e leve. Basta a pessoa escolher a categoria que mais lhe agrada, colocar o 4x4 na terra, fazer novas amizades e se divertir. O Transcatarina oferece cinco dias de aventura e momentos que ficam registrados na memória”, explicou o diretor geral do evento, Edson João da Costa.

 O Transcatarina cortará o estado a partir do Vale dos Imigrantes, passando pela região do Rio do Rastro, até alcançar o litoral sul de Santa Catarina. Serão cerca de 800 quilômetros com muitas trilhas e obstáculos naturais (adequados a cada categoria).

continua após publicidade

 Mistura de sotaques

Organizado pelo Caçador Jeep Clube, o Transcatarina atraí participantes de diversas regiões do país. No momento, serão 94 cidades representadas e nove estados: Amazonas, Distrito Federal, Mato Grosso, Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

 Até agora, a cidade de Apucarana está com dois representantes confirmados: o atual campeão do Transcatarina, o piloto Leandro Pereira Moor (o Ximura), e o navegador Jhonatan Ardigo (que também já foi campeão do Rally dos Sertões).

continua após publicidade

E Ximura vive uma excelente fase: além do título do Transcatarina 2020, ele é o campeão do Transparaná (2021) – duas das maiores competições de rali de regularidade do Brasil. Em 2021, já conquistou a vitória da primeira etapa da Mitsubishi Motorsports, disputada em Itaipava (RJ). 

“São 14 anos de experiência neste esporte e sempre tive os melhores pilotos e navegadores do país como referência (e adversários). Aprendi muito com eles e, após anos de treino, dedicação e humildade, sinto orgulho de ocupar um lugar no hall dos campeões”, disse Ximura. “Agora, é iniciar preparação para o Transcatarina 2021, evento tradicional e impossível ficar de fora. O coração fica a mil só de pensar no que virá pela frente”, completou o piloto. 

Lembrando que, assim como no ano passado, a organização do Transcatarina manterá todas as medidas sanitárias impostas pelo Governo, para evitar a propagação da Covid-19.

O Transcatarina será realizado em um momento importante para o país, uma vez que as projeções para outubro é que a maioria da população já esteja imunizada ao Covid-19 e a economia caminhando para a recuperação. O setor do Turismo será um dos maiores beneficiados pelo evento.

“Por meio do Transcatarina, os participantes injetarão dinheiro da economia regional, uma vez que todos utilizarão de hotéis, combustível, restaurante, bem como serviços de apoio mecânico etc. Ainda, desde o início do evento, temos o nosso lado social, com doação de cestas básicas as instituições carentes”, salientou Costa. Faz parte da inscrição de cada carro, a doação de 40 quilos de alimentos não perecíveis e, todos os anos, são arrecadadas cerca de 10 toneladas. As inscrições estão abertas pelo site www.transcatarina.com.br.

Tags relacionadas: #Esporte #Rally #santa catarina