Apucarana

Câmara vota nesta 2ª projeto que proíbe festas clandestinas

Vereadores de Apucarana se reúnem a partir das 16 horas para discutir três projetos de lei e três requerimentos sobre temas diversos de interesse público

Da Redação ·
Sessão plenária começa às 16 horas
fonte: Reprodução
Sessão plenária começa às 16 horas

A Câmara de Vereadores de Apucarana decide nesta segunda-feira (4) sobre o projeto de lei 29/2022, que veta a realização de festas clandestinas na cidade. O projeto, de autoria do vereador Rodrigo Lievore, que vai a segunda votação, também trata da implantação do programa “noite legal”.

continua após publicidade

O tema está na pauta da sessão ordinária desta segunda-feira (4), com início às 16 horas. Além deste projeto, os vereadores vão discutir mais dois projetos e três requerimentos, que constam da ordem do dia.

Outro projeto em segunda votação é o nº 37/2022, de autoria do vereador Franciley Poim, que concede o título de cidadão benemérito de Apucarana a Adir Silva Moreno, “pelos relevantes serviços prestados à comunidade”.

continua após publicidade

O projeto de lei no. 36/2022, de Tiago Cordeiro, é o que estabelece uma cota nos concursos públicos municipais para as pessoas com 45 anos ou mais. Pelo projeto, seriam reservadas às pessoas com idade igual ou superior a 45 anos, 5% das vagas oferecidas nos concursos públicos locais. O projeto teve pedido de vistas.

REQUERIMENTOS

O vereador Marcos da Vila Reis tem dois pedidos de informações na pauta da sessão de hoje. No requerimento nº 17 ele propõe pedido de informações ao Diretor da VAL – Viação Apucarana, sobre a viabilidade de fazer a mudança do itinerário dos ônibus que fazem a linha do Distrito de Vila Reis, passando na entrada e na saída pela via marginal localizada entre o Distrito de Vila Reis e o Jardim Curitiba.

continua após publicidade

Já no requerimento nº 18, o vereador propõe pedido de informações ao Prefeito Municipal, sobre a extensão da pavimentação asfáltica na Rua Nossa Senhora do Bom Conselho, no trecho entre o Distrito de Vila Reis com a Vila Rural Manoel Piassa.

O terceiro requerimento da pauta desta segunda-feira é do vereador Moisés Tavares, que faz pedido de informações ao Executivo Municipal, através do IDEPPLAN, sobre a possibilidade da realização de estudos técnicos de impacto, a fim da melhoria de trânsito no cruzamento da Avenida Munhoz da Rocha com a Rua Renê Camargo de Azambuja, no Centro.