Auxílio cultural chega a 291 empresas e profissionais de Apucarana - TNOnline
Mais lidas

    Apucarana

    Pandemia

    Auxílio cultural chega a 291 empresas e profissionais de Apucarana

    Foto por Reprodução
    Foto por Reprodução
    Foto por Reprodução
    Escrito por Da Redação
    Publicado em 26.11.2020, 17:21:24 Editado em 26.11.2020, 17:21:53
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    A Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc, editada pelo Governo Federal em função da pandemia da Covid-19, e que prevê repasse de auxílio financeiro a empresas do ramo artístico-cultural e artistas habilitados em chamamentos públicos, vai atender a 291 apucaranenses.

    A informação é da Secretaria Municipal da Promoção Artística, Cultural e Turística (Promatur), que, em conjunto com o Conselho Municipal da Cultura, conduziu o processo de elaboração dos editais, cadastramento, análise e homologação de propostas.

    A secretária da Promatur, professora Maria Agar Borba, conta que a União destinou a Apucarana R$923,5 mil e que foram publicados três chamamentos.

    “O edital “Arte Grafitti e Pintura Mural” beneficiou quatro artistas. O “Trajetória Cultural”, direcionado a empresas do setor, teve 20 empreendimentos habilitados e o edital “Cultura em Casa”, o mais abrangente de todos, homologou 267 proponentes, reunindo profissionais de várias áreas culturais, como música, dança, teatro, artesanato e produção cultural”, informou Maria Agar.

    Ela frisa que a procura superou a expectativa. “Para este edital tínhamos previsto inicialmente cerca de 200 proponentes, mas como resultado final tivemos registro de 267 artistas beneficiados com o auxílio cultural”, relatou a secretária.

    O valor repassado pelo Governo Federal será repartido entre os beneficiados de acordo com os critérios da lei. “Todo o processo foi feito de forma transparente, com editais publicados no site da prefeitura de Apucarana. Os pagamentos do auxílio começam a partir da próxima semana”, comunica Maria Agar, secretária da Promatur.

    O prefeito Júnior da Femac assinala que durante todo o processo o município, em conjunto com o conselho municipal, zelou por realizar um trabalho fazendo com que os recursos chegassem a um maior número de pessoas.

    “A habilitação junto aos editais de chamamento público foi um processo bastante simplificado, favorecendo realmente todos os segmentos da área artística. A aplicação da Lei Aldir Blanc em Apucarana é um sucesso”, avaliou o prefeito, lembrando que o meio artístico-cultural foi um dos mais afetados economicamente pela pandemia. 

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Apucarana

    Deixe seu comentário sobre: "Auxílio cultural chega a 291 empresas e profissionais de Apucarana"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.