Apucarana

Apucarana libera drenagem e asfalto em mais cinco regiões

O investimento, na ordem de R$725.541,17 com recursos municipais, vai atender diversos bairros da cidade

Da Redação ·

O prefeito Júnior da Femac autorizou nesta segunda-feira (25/10) novas frentes de drenagem de águas da chuva e pavimentação asfáltica. O investimento, na ordem de R$725.541,17 com recursos municipais, vai atender a pequenos trechos ainda sem a benfeitoria nos jardins Ponta Grossa, Laranjeiras, Vila Regina, Núcleo Habitacional Dom Romeu Alberti e Estrada do Ibirité, junto ao parque industrial do Distrito de Pirapó, nas imediações do posto de combustível Catarina.

continua após publicidade

Ao liberar as ordens de serviço para início imediato dos serviços, Júnior da Femac frisou que as obras integram um pacote em execução que vem levando asfalto novo também para as regiões do Residencial Villagio Di Roma, Núcleo Michel Soni (Recanto do Lago), Loteamento Bom Retiro, jardins Morada do Sol e Esperança, em um total de 24 mil metros quadrados. “Com a liberação de mais estas frentes vamos cumprindo com um compromisso de governo, levamos asfalto a todos os pequenos trechos de ruas que foram esquecidos por outras administrações. Um justo retorno aos moradores, que contribuem com a cidade através do pagamento do IPTU”, lembra o prefeito.

Todos os cinco lotes licitados foram vencidos pela Construtora Felicita Ltda, de Marilândia do Sul. O investimento na drenagem de águas pluviais e pavimentação asfáltica da Estrada do Ibirité, na Gleba Pirapó, será na ordem de R$225.948,84. “Serão pavimentados 1.094 metros quadrados, com implantação de tubulação, bueiros e dissipador, atendendo a empresários instalados no parque industrial”, informa Ângela Stoian Penharbel, secretária Municipal de Obras. O prazo para execução do serviço é de 120 dias.

continua após publicidade

Outra importante frente de pavimentação será executada na Rua Lauro Carlos de Assis, na Vila Regina. Serão executados 3 mil metros quadrados com recursos na ordem de R$172.139,90. “Neste local será feito drenagem com plantio de grama e construção de meio-fio”, explica a secretária.

Trabalho idêntico será realizado em ruas próximas à capela mortuária do Jardim Ponta Grossa, junto às “residências da rede ferroviária”, onde serão pavimentados 2.175 metros quadrados, em um investimento de R$128.297,73. “Ambos serviços terão prazo de quatro meses para serem finalizados pela construtora”, diz Ângela Stoian Penharbel, secretária Municipal de Obras.

Drenagem – O prefeito Júnior da Femac explica que entre os contratos assinados estão duas obras que tratam exclusivamente de drenagem de águas pluviais, sendo uma na Rua Quintino Bocaiúva, no Jardim Laranjeiras, com investimento de R$86.608,77, e outra na Rua São Leopoldo, no Núcleo Habitacional Dom Romeu Alberti, com recursos de R$112.545,93. Ambos serviços têm prazo de execução de 90 dias.

continua após publicidade

“No Jardim Laranjeiras, a instalação de 156 metros lineares de tubulação de um metro de diâmetro vai dar solução a um processo de erosão no encontro com a Rua Otávio Pereira de Melo, que tem prejudicado muito proprietários de terrenos no local. No “Dom Romeu” é uma situação semelhante, mas que envolve alagamentos em dia de chuvas torrenciais, causando muitos transtornos a moradores e comerciantes nas imediações da escola municipal. A solução de engenharia consistirá no reforço de galerias e encaminhamento para a caixa de ligação mais próxima, com implantação de tubulação de 80 centímetros de diâmetro”, relata o prefeito Júnior da Femac.

A assinatura da ordem de serviço contou com a presença do vice-prefeito Paulo Sérgio Vital e da superintendente de Obras, Carolina Moreira de Souza.