Apucarana

Apucarana finaliza planos de retomada econômica

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Apucarana finaliza planos de retomada econômica
fonte: Divulgação
Apucarana finaliza planos de retomada econômica

O prefeito Júnior da Femac recebeu nesta terça-feira (16), do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), o relatório final dos programas Municipais de Retomada da Economia no Pós Covid-19 e de Desenvolvimento Econômico, também tendo como cenário o encerramento da situação em emergência em Saúde Pública.

continua após publicidade

A apresentação do material, feita no gabinete municipal pelo consultor do Sebrae Apucarana, Tiago Cunha, contou com a participação do vice-prefeito Paulo Sérgio Vital, da secretária Municipal da Fazenda Sueli Pereira, do superintendente do Idepplan Carlos Mendes, e Tiago Ribeiro, membro da governança do Projeto Conecta Apucarana, iniciativa que promove políticas de inovação na cidade. “Esses estudos foram feitos a partir de uma força-tarefa que reuniu, além do Sebrae, representantes da associação comercial, universidades, do Senai, entre outros parceiros, e que revela uma perspectiva positiva para a retomada econômica no município”, disse o consultor.

Apesar dos impactos da pandemia em diversos setores econômicos, Cunha revela que muitas das propostas elencadas nos estudos já foram executadas pela Gestão Júnior da Femac ou estão em execução. “Isso garante que a retomada em Apucarana seja mais leve do que em outras regiões do país”, avalia.

continua após publicidade

Tiago destaca que os estudos reúnem propostas que necessitam do envolvimento da iniciativa privada. “O poder público municipal tem feito a sua parte, mas é imprescindível que para uma efetiva retomada da economia haja integração de esforços, com a iniciativa privada dando sua parcela de contribuição. Essa sinergia é fundamental para que o crescimento e a recuperação econômica dos setores, em especial dos mais atingidos pela pandemia, aconteça de forma rápida e efetiva”, pontuou o consultor do Sebrae Apucarana.

O prefeito Júnior da Femac parabenizou o trabalho feito pelo serviço nacional. “Apucarana agradece esse carinho técnico do Sebrae. Constatei pelo relatório final que nossa administração vem acertando durante a condução da pandemia, com muitos pontos elencados no estudo já atendidos pela prefeitura e que contribuíram de forma decisiva para a sustentação econômica da cidade. Podem ter certeza de que, no que tange a prefeitura, estaremos empenhados em buscar atender as demais propostas, que apontam novos caminhos, linhas de ação visando plena retomada dos investimentos, geração de emprego e renda”, comentou o prefeito.

A exemplo do que disse o consultor do Sebrae, Júnior da Femac também enalteceu a importância da participação do setor empresarial no financiamento de parte das ações propostas pelos planos. “A prefeitura tem feito o que lhe cabe. Contratou estudos técnicos junto ao Sebrae para que nos sirvam de bússola. No mês passado, com aprovação dos vereadores, destinamos R$250 mil ao Fundo Municipal de Inovação, recursos que vão auxiliar na execução de muitas das propostas sugeridas pelo Sebrae. Também temos mantido a todo vapor o programa de capacitação profissional da população e tenho a certeza de que os empresários de Apucarana também vão fazer a sua parte”, disse o prefeito.

Segundo frisou o consultor do Sebrae Apucarana, Tiago Cunha, a política de desenvolvimento econômico de Apucarana no pós-pandemia deverá estar atrelada a uma interligação estratégica entre os planos municipais de Atração de Investimentos (PMAI), de Inovação do Ecossistema e do de Retomada Econômica no Pós Covid-19. “O novo crescimento da economia exige uma reconstrução gradativa, especialmente dos setores mais atingidos”, concluiu Cunha, dizendo que ações previstas, que podem ser realizadas de forma remota, devem ter início antes mesmo do fim da pandemia.

Tags relacionadas: #Apucarana #comércio #indústria