Apucarana

Apucarana divulga protocolo de biossegurança para escolas

CMEIs e Escolas estão pondo em prática medidas rígidas de prevenção à Covid-19. #tnonline #apucarana #covid

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Apucarana divulga protocolo de biossegurança para escolas
fonte: Divulgação
Apucarana divulga protocolo de biossegurança para escolas

Apesar de as aulas continuarem de forma remota, as escolas da rede municipal de Apucarana retomaram há alguns dias o atendimento presencial de pequenos grupos de alunos, para a aplicação de uma avaliação diagnóstica às turmas do 1º ao 5º ano e de atividades de reforço às crianças que apresentam dificuldades de aprendizagem.

continua após publicidade

De acordo com a secretária Marli Fernandes, todas as unidades de ensino estão pondo em prática medidas rígidas de prevenção à Covid-19. “A Autarquia Municipal de Educação elaborou um modelo de protocolo de biossegurança, em conformidade com as orientações recebidas da Secretaria de Estado da Saúde, e encaminhou para os 23 CMEIs e 35 Escolas da rede. Cada unidade foi orientada também a constituir uma comissão, formada pela equipe diretiva, professores, funcionários e pais de alunos, que ficou responsável por adaptar o modelo à própria realidade e fiscalizar o seu cumprimento,” explicou.

O protocolo de biossegurança estabelece, entre outras medidas, que as unidades de ensino devem aferir diariamente a temperatura dos estudantes, professores e funcionários, disponibilizar álcool em gel nos diversos ambientes, utilizar tapetes sanitizantes ou panos úmidos com água sanitária na entrada do prédio, escalonar os horários de entrada, recreio e saída a fim de evitar aglomerações, intensificar a higienização dos sanitários, refeitórios e salas de aula, orientar de forma expressiva a comunidade escolar para que não compartilhe copos, talheres e demais utensílios de uso pessoal, e garantir o afastamento mínimo de 1,5m (um metro e meio) entre as pessoas.

continua após publicidade

“Além disso, os pais devem providenciar que seus filhos levem para a escola duas máscaras faciais, sendo uma no rosto e outra de reserva, garrafa de água identificada e abastecida, e toalha de rosto para uso particular,” acrescentou a secretária.

Os CMEIs e Escolas também têm a obrigação de comunicar imediatamente os casos suspeitos e confirmados de Covid-19 à Autarquia Municipal de Educação, para a identificação de possíveis surtos da doença.

O prefeito Junior da Femac destaca que o município já iniciou a vacinação dos profissionais da educação. “Em consenso com o Comitê Municipal de Avaliação do Retorno às Aulas, nós decidimos que as aulas presenciais só serão retomadas na rede depois que todos os professores e servidores dos CMEIs e Escolas estiverem imunizados. O nosso principal compromisso é com a preservação das vidas e da saúde,” afirmou.

continua após publicidade

Os pais dos alunos têm elogiado os protocolos sanitários adotados pelos CMEIs e Escolas da rede municipal de Apucarana. “Eu levei o meu filho para fazer uma avaliação e percebi que os professores e funcionários estão tomando todos os cuidados necessários, medindo a temperatura das crianças na entrada, ofertando o álcool em gel e dispondo de tapetes para a higienização dos pés. Por isso, eu me senti bastante segura de levá-lo para a escola,” disse Andréia Meneguetti da Costa, mãe de um aluno matriculado na Escola Municipal João Antônio Braga Côrtes.

“Eu estou muito satisfeita com as medidas preventivas que a escola está seguindo. Meu filho relatou que todos os professores e alunos estão usando máscara e respeitando o distanciamento social. Ele ficou muito contente de poder voltar à sala de aula para fazer essa avaliação,” acrescentou Ilaiza Moreira Ferraz, mãe de um aluno matriculado na Escola Municipal Papa João XXIII.