Apucarana

Após brigar com filho, mulher fica sem lugar para dormir

PM Apucarana tentou ajudar a solicitante, mas ela pediu para ser levada à Upa

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Após brigar com filho, mulher fica sem lugar para dormir
fonte: Pixabay
Após brigar com filho, mulher fica sem lugar para dormir

Na noite deste domingo (15), a Polícia Militar de Apucarana foi acionada para auxiliar uma mulher, de 52 anos, que relatou estar sendo maltratada pelo filho, de 32 anos, e que não tinha onde dormir. Conforme a PM, a vítima estava pedindo um abrigo para ficar, já que na casa do filho ela não queria mais dormir por causa de desavenças com a nora, de 24 anos. 

continua após publicidade

Ao conversar com a mulher, ela relatou à polícia que o filho não a ameaçou, nem a agrediu, mas que ela não queria permanecer na residência do filho e também não tinha outro lugar para ir.

Porém, de acordo com o boletim, a assistência social só poderia arrumar um local para ela ficar em horário comercial porque albergues e abrigos não estariam recepcionando mulheres por falta de estrutura adequada. 

continua após publicidade

Diante das dificuldades apresentadas, a equipe orientou que a mulher tentasse se entender com seu filho para que não precisasse dormir na rua ou fosse para casa de algum outro familiar. No entanto, ela disse que a outra filha mora em Arapongas e também disse que não iria buscá-la.

Após diversas conversas, a equipe levou a mulher até a Unidade de Pronto Atendimento (Upa), pois ela informou que estava se sentindo mal.

Tags relacionadas: #Apucarana #briga #PM APUCARANA